Economia Solidariedade RS

Ação conjunta garante R$ 13 milhões para o Funcriança

A Campanha Valores que Ficam teve seu balanço em café da manhã ocorrido nessa quarta-feira na Assembleia Legislativa do RS. De acordo com o levantamento da Receita Federal, as destinações para o Fundo da Criança e do Adolescente (Funcriança) tiveram um acréscimo de 42,9% em relação ao ano passado. A iniciativa é uma proposição da Assembleia Legislativa e conta com apoio técnico e institucional de entidades como o SESCON-RS.

Em 2019, a soma foi de R$ 13 milhões, mais de R$ 4 milhões em relação ao ano anterior (R$ 9 milhões). Os números foram apresentados pelo Presidente da ALERGS, Luís Augusto Lara. Esses valores vão ficar aqui no Estado em projetos sociais focados em crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Ação contou com o apoio de Renato Borghetti e Guri de Uruguaiana que emprestaram suas imagens para a campanha, que teve forte apelo de mídia.

De acordo com a Receita Federal, dos 497 municípios gaúchos, 405 serão beneficiados. Em algumas cidades, a arrecadação chegou a superar os 100% de acréscimo.

Agora, o objetivo é dar seguimento a divulgação, focando na destinação de até 6% do imposto de renda devido, que poderá ser efetuada até o final de dezembro. “Precisamos ampliar ainda mais a comunicação, usarmos todos os canais disponíveis para que mais pessoas saibam dessa possibilidade. Temos um potencial de R$ 400 milhões para destinar, porém menos de 10% disso acaba sendo direcionado aos fundos”, comenta o Presidente do SESCON-RS, Célio Levandovski.

 

Fonte: Sescon-RS