Saúde RS RSS Arvorezinha

Administração discute Plano de Enfrentamento de Prevenção ao uso de Drogas no município

 Palestras continuas para pais e familiares sobre apoio e cuidados a seus filhos é uma das ações propostas (Foto: Divulgação)
Palestras continuas para pais e familiares sobre apoio e cuidados a seus filhos é uma das ações propostas (Foto: Divulgação)

Na última semana, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal de Arvorezinha, os profissionais das Secretarias Municipais de Educação, Saúde e Assistência Social discutiram o Plano de Ações de Enfrentamento e prevenção às Drogas no município. Na ocasião, a vice-prefeita Beti destacou a importância do desenvolvimento destas ações devido todos fatos ocorridos e aos apelos que a Comunidade tem trazido, principalmente quanto às necessidades de políticas de prevenção ao uso de drogas.

Os profissionais discutiram as diretrizes do plano, que enquadram a ampliação da oferta de serviços; expansão e fortalecimento da prevenção, como a formação de professores sobre identificação de situações de atenção e prevenção; palestras continuas para pais e familiares sobre
apoio e cuidados a seus filhos; formação para agentes comunitárias de saúde de atenção e prevenção; Fortalecimento e formação de grupos que venham ao encontro das necessidades, como de adolescentes, pais entre outros.

No encontro foi confirmado a realização de convenio com Universidade da região para aplicação de pesquisa para diagnóstico a fim de serem traçadas ações que venham ao encontro das principais demandas apontadas.

Ainda, foi acordado a contratação ou utilização de profissionais que já atuam nos serviço para desenvolvimento de oficinas, projetos, grupos para práticas de atividades educativas, como esportes e outros, em locais mais próximo das crianças e adolescentes, acontecendo no turno inverso ao da Escola e aos sábados.

Nas escolas, será retomado o Projeto “Sementes, através do PSE, Programa de Saúde na Escola que objetiva trabalhar uma série de assuntos que venham ao encontro da formação dos alunos, como sujeitos de direitos e deveres, contribuindo no processo de formação cidadã, entre outras ações e medidas que irão ocorrendo a curto e médio prazo.

Ao final, a vice-prefeita Beti, agradeceu o empenho dos profissionais na elaboração do Plano, e destacou que a Administração Municipal irá abraçar a causa e lutar contra. “Sabemos que o uso de drogas representa um dos maiores problemas de saúde pública no cenário atual, afetando não só os usuários, mas também suas famílias. Hoje o uso de drogas acaba sendo direta ou indiretamente a maior causa de doenças físicas e mentais, além do número de mortes entre a juventude brasileira”, pontuou vice-prefeita Beti.

Texto: Ascom Arvorezinha