Investimento Vale do Taquari Destaques Turismo

Amturvales e Faterco defendem estruturação do turismo na Consulta Popular

Votação será entre 26 de outubro e 3 de novembro, de forma virtual

Estruturação do turismo rural no Vale do Taquari, a partir das agroindústrias familiares, é o projeto defendido pela Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales) e pela Fundação do Alto Taquari de Educação Rural e Cooperativismo (Faterco) na Consulta Popular. As duas entidades são as executoras do projeto, que também conta com o apoio da Emater e da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs).

O valor para o projeto é R$ 314.285,71, sendo 50% oriundos da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, e os outros 50% da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo. O recurso deve ser aplicado, conforme as entidades executoras, num programa de adequação e qualificação das agroindústrias regionais, para fortalecimento do turismo rural na região. “Estamos pedindo o voto para o turismo na Consulta Popular, isso vai beneficiar as agroindústrias do Vale do Taquari”, observa o presidente da Amturvales, Leandro Arenhart.

A votação será totalmente de forma virtual pelo site www.consultapopular.rs.gov.br (votação das 7h do dia 26 de outubro até as 23h59min do dia 3 de novembro). Também é possível votar por SMS, de forma gratuita. Basta mandar um SMS para 29634 com a sequência RSVOTO#títulodeeleitor#nº do programa (votação das 7h do dia 26 de outubro) até as 23h59min do dia 3 de novembro. Na cédula de votação, o projeto que contempla a estruturação do turismo na região é o de número 1.

A Consulta Popular é um projeto do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG). O processo vai encaminhar a aplicação de R$ 20 milhões para municípios das 28 regiões dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes). Desse valor, R$ 10 milhões serão quitados em 2021, os outros R$ 10 milhões avaliados conforme a condição financeira de 2022. O objetivo é fortalecer o desenvolvimento regional, valorizando demandas que ampliam o crescimento econômico, a ciência e a inovação em áreas como agricultura, infraestrutura e turismo.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA AMTURVALES
Fernanda Mallmann