Investimento Arroio do Meio Obras

Aprovado projeto para asfaltamento em Palmas e Passo do Corvo

Nesta quarta-feira, dia 20 de novembro, foi realizada mais uma sessão ordinária do Poder Legislativo de Arroio do Meio, sob presidência de Adiles Mayer (MDB). Quatro Projetos de Lei do Poder Executivo estiveram na ordem do dia:

A matéria 066, que autoriza o Poder Executivo a executar pavimentação asfáltica, na Estrada Geral do Passo do Corvo e a Estrada Geral de Palmas, ambas em toda sua extensão, bem como executar os serviços de drenagem. A matéria teve pedido de vistas na sessão anterior por parte do vereador Darci Hergessel (PDT) e voltou a ser discutida. Hergessel voltou a pedir mais clareza no projeto, contudo agradeceu ter sido chamado pelo prefeito Klaus Schnack para debater sobre a proposta. Assinalou que na rua Dom Pedro II também haviam sido prometidos três quilômetros de asfalto e foi feito apenas um. Acrescentou que se for chamada a comunidade para discutir a respeito do projeto, que também sejam convidados os vereadores. O vereador Pedro Volmir de Freitas Noronha, o Kiko (PTB), também sugeriu que seja especificada a metragem do que será asfaltado. Roque Haas, o Rocha (PP), endossou as palavras do colega sugerindo a metragem de pavimento que será feita. Da forma como que o projeto está, assinala que cria uma expectativa em todos os moradores, parecendo que estão sendo iludidos. Marcelo Schneider (MDB) salientou que os projetos sempre foram votados desta maneira, sem precisar colocar a metragem. Disse ainda que nunca se iludiu ninguém, ressaltando que a comunidade sabe o quanto será feito e será feito o que o dinheiro do caixa permitir. Ao final, o projeto foi aprovado por todos os vereadores.

Também foi aprovado o projeto 070, que autoriza o Poder Executivo a realizar a permuta de uma área de terras do Município, com área de terras de propriedade de Marino Rohr e custear despesas decorrentes do ato.

A matéria 071, que cria a Orquestra Municipal de Arroio do Meio, vinculada à Secretaria de Educação e Cultura. A Orquestra será composta por músicos voluntários que tenham o domínio da técnica dos instrumentos. Esta também foi aprovada por unanimidade.

Por último o projeto 072, que autoriza o Poder Executivo a realizar a desapropriação amigável de bem imóvel, custear atos legais pertinentes e abrir crédito adicional. O vereador Rodrigo Kreutz (MDB), enalteceu a importância do projeto, o qual permitirá que o município crie uma rota alternativa para desafogar o fluxo de veículos no trevo de acesso a cidade. Vanderlei Majolo (PP) cumprimentou o proprietário da área a ser desapropriada, Marino Hentges, pela aceitação para criação da via alternativa para ajudar no trafego na saída da cidade. Rocha disse que em 2003 já se pediu isso, e que certamente vai diminuir a fila na rótula. Acrescentou que ainda tem a ponte do Winsch, que, se for feita outra rua contemplando essa ponte, certamente a rotula do trevo não será mais um problema. Hergessel observou que já foram realizados diversos pedidos para amenizar a questão do trevo, como por exemplo, elevada e uma sinaleira, contudo, até o momento nada foi feito. Mas se mostra feliz pelo projeto que permitirá melhor mobilidade no trevo. Paulo Volk (MDB) também se mostrou favorável ao projeto, agradecendo a administração, que dará alternativa para o trevo. Ressaltou que a Administração também está de parabéns por outras questões de melhorias na mobilidade urbana. O projeto foi aprovado por todos os vereadores.

Na sessão desta quarta-feira, em função de sessão solene, não ocorreram os pronunciamentos do grande expediente.

A próxima sessão ordinária do Poder Legislativo de Arroio do Meio será às 18h30 do dia 4 de dezembro.

 

 

Foto: Marcio Steiner
Assessoria de Imprensa de Arroio do Meio