Geral Paverama

Assoessa completa 60 anos

Ponto de encontro e integração dos moradores residentes em quatro municípios (Mato Leitão, Venâncio Aires, Santa Clara do Sul e Cruzeiro do Sul). É desta maneira que o professor aposentado Elói Luft, 73 anos, destaca a importância da Assoessa no Vale do Sampaio. A entidade completou ontem (1º de maio) 60 anos de fundação.

Luft cita o envolvimento dos moradores. “Para comprar área (pertencia a Rudolfo Pilz que tinha casa comercial e salão de bailes) muitos emprestaram dinheiro. Hoje temos um local amplo com toda a estrutura que serve de ponto de encontro para diversos grupos”, disse. Elói passou a participar diretamente da entidade em março de 1966, primeiro como atleta da equipe de futebol e, depois, ocupando cargos na diretoria como secretário, tesoureiro e atualmente integrante do Conselho Fiscal.

Um dos principais fatos históricos ocorreu em 1967, com a fusão da Sociedade Esportiva Sampaio e Esporte Clube Sampaio. O esporte é inclusive uma das referências da entidade disputando competições locais e regionais no futebol amador. São equipes nas categorias Aspirantes, Titular e Veterano, além do Futsal e ainda Bocha.

GRUPOS

A Assoessa é ponto de encontro para o futebol (Estádio Rudolfo Pilz), futsal (ginásio), bocha, bolão, Clube de Mães, grupo da Terceira Idade, Coral Santa Thereza e ainda da Associação de Prestação de Serviços e Assistência Técnica (Apsat).

FESTA

A diretoria da Assoessa marcou um grande evento no domingo, 5, para marcar os 60 anos da entidade. A festa começa na parte da manhã com alvorada, jogo de veterano (Time do Nei x Assoessa), almoço (antecipados a R$ 15,00) e bailão com as bandas Livre Estação e Magia, além da Áudio Som. Ingresso grátis.

O evento terá ainda um encontro festivo com atletas da equipe dos anos 80 e 81. Os cartões antecipados para o almoço podem ser adquiridos em diversos locais de Mato Leitão como Farmácia Goerck, Agropecuária Heinen e Posto Quiosque.

 

SAIBA MAIS

Em 1959, entidade contava com 75 sócios. Entre as famílias, destaque para Pilz, Lang, Freitag, Scheibler, Maldaner, Kronbauer e Heissler. Os jovens que estudavam (outros municípios) ou estavam no Exército eram considerados ‘ausentes’ no livro de registro.

 

 

Assessoria de Imprensa de Mato Leitão