RSS Rural - Agricultura Estrela

Audiência pública vai discutir dificuldades dos produtores de leite

Fórum
No município de Estrela a produção de leite está estimada em 43 milhões de litros por ano, para um rebanho de 8.700 vacas (Foto: Divulgação)

A queda no preço do leite pago aos produtores, principalmente em função das importações, será discutida em audiência pública no dia 9, às 14h, na Câmara de Vereadores de Estrela. A iniciativa é do Legislativo, com apoio da Secretaria Municipal da Agricultura (Smag).

Conforme o secretário José Adão Braun, o grande volume de importações, que em 2015 chegou a 137,1 mil toneladas, é o grande fator de preocupação dos produtores, que em decorrência disso enfrentam uma queda acentuada no valor pago pelo litro. Em julho, conforme Braun, o produtor recebeu R$ 1,73 pelo litro de leite, valor que caiu para R$ 1,35 em setembro. “Em Estrela, nos últimos três meses, houve uma perda mensal de R$ 2 milhões. Por outro lado, o custo de produção não reduziu”, observa.

Braun informa que estão sendo convidados produtores e lideranças de entidades e instituições ligadas ao setor leiteiro. De acordo com o secretário, Ocergs, Farsul, FETAG, cooperativas, Sindilat, Emater/RS e outras entidades deverão participar da audiência. O secretário ressalta que, de acordo com o Sindilat/RS, somente nos oito primeiros meses de 2016 o país importou 153,38 milhões de quilos de produtos lácteos, o que representa um aumento de 80% em relação ao mesmo período do ano passado. Se continuar nesse ritmo, a estimativa, segundo ele, é que as importações de leite em pó cheguem a mais de 230 milhões de quilos até o final de 2016, o que poderá agravar ainda mais a situação enfrentada pelos produtores. “Esta situação cria uma concorrência nefasta para todos nós e todo o movimento, neste momento, é importante para buscarmos uma solução”, enfatiza.

No município de Estrela a produção de leite está estimada em 43 milhões de litros por ano, para um rebanho de 8.700 vacas.

Texto: Ascom Estrela