Meio Ambiente Lajeado

Centro de Educação Ambiental bate recorde de atendimentos em junho

O Centro de Educação Ambiental de Lajeado, vinculado à Secretaria do Meio Ambiente (Sema), bateu o seu recorde de atendimentos em junho deste ano. Um total de 1.197 pessoas participaram das atividades organizadas pelo espaço, entre oficinas, palestras, visitas guiadas ao Aterro e Jardim Botânico de Lajeado. Este é o maior número de atendimentos desde a inauguração do local, em 2005.

O Centro de Educação Ambiental promove e executa ações na área de educação ambiental para estudantes da rede municipal, estadual e privada de Lajeado e de cidades do Vale do Taquari e também para pessoas da comunidade. O objetivo é conscientizar pessoas de todas as idades sobre a importância da preservação do meio ambiente, modo de vida mais ecológico e dos recursos naturais.

A turma do 3° ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Dom Pedro I, localizada no bairro Jardim do Cedro, foi uma das 55 turmas que participou das atividades em junho. “Os alunos construíram uma árvore e perceberam a função e a importância de cada parte da planta. Eles adoraram”, contou a professora Bárbara Laís Schmeier 29 anos.

Desde janeiro até agora, foram oferecidas cerca de 15 atividades diferenciadas que envolveram cerca de 3 mil pessoas. As atividades (que podem ser conferidas abaixo) podem ser agendadas por escolas e qualquer grupo de pessoas por meio do Centro.

O recorde de junho

– 298 alunos participaram de trilhas orientadas e ecológicas no Parque do Engenho

– 353 pessoas participaram das oficinas e palestras em escolas e no Sesc Lajeado

– 292 pessoas participaram das visitas guiadas, trilhas e oficinas oferecidas no Jardim Botânico

– 254 alunos visitaram o Aterro Sanitário e a estação de tratamento de efluentes, acompanharam o processo de limpeza do chorume e a técnica de osmose reversa até a água sair limpa para ser lançada no recurso hídrico

Centro de Educação Ambiental

Endereço: Rua Liberato Salzano Vieira da Cunha, 15, bairro Americano

Horário de funcionamento: segunda a quinta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 16h45, e sexta-feira das 8h às 14h

Telefone: 3982-1099

E-mail: sema.edambiental@lajeado.rs.gov.br

Conheça as atividades realizadas pelo Centro de Educação Ambiental

Atividades no Parque do Engenho

– Trilha no Parque do Engenho – As trilhas interpretativas são adaptáveis a diversas faixas etárias, com abordagem de diversos assuntos, entre eles: saneamento, biodiversidade e reino vegetal.

Atividades na Sede do Centro de Educação Ambiental e Escolas

– Palestras temáticas – Entre alguns temas de palestras que podem ser apresentadas estão resíduos sólidos, compostagem, partes das plantas, sustentabilidade, biomas brasileiros, biodiversidade.

– Oficinas – As oficinas são atividades práticas onde os participantes podem aprender e trocar informações. O Centro ministra oficinas de sabão com óleo de cozinha usado, customização de sacolas de pano, PANCs, compostagem e contação de histórias.

– Biblioteca Ambiental – A Biblioteca Ambiental fica na sede do Centro e dispõe de uma coleção de livros, revistas, encartes e trabalhos relacionados ao meio ambiente, que podem ser consultados e emprestados por qualquer pessoa da comunidade.

Atividades no Jardim Botânico

– Observando a natureza que nos cerca – Nesta atividade, os alunos são convidados a observar o mundo natural e os detalhes da natureza. São abordados temas variados de ecologia, botânica e zoologia, sendo adaptado para a faixa etária da turma.

– Que árvore é essa? – Nesta atividade os alunos são convidados a observam detalhes sobre a anatomia, ecologia e importância de diversas espécies arbóreas. Por meio da observação e ilustração de suas folhas, flores e frutos (se presentes), os alunos compreendem os primeiros passos para a identificação botânica.

– Pintando com a natureza – Esta atividade aborda técnicas de tintura natural. Primeiro é realizado uma visita nas coleções botânicas apresentando algumas plantas que possuem corantes naturais e os benefícios da utilização destes corantes. Após, é realizada uma oficina onde os alunos confeccionam tintas a partir de produtos naturais. São abordados temas de botânica, preservação ambiental, resíduos industriais e atitudes ambientalmente corretas.

– O Macro e o microcosmo aquático – Esta atividade aborda temas relacionados aos recursos hídricos, sendo explorados áreas do jardim botânico como a cascata, o lago artificial e o arroio que passa pelo Jardim. O propósito é o aluno entender o ciclo da água e a importância da vegetação para o equilíbrio.

– O papel nosso de cada dia – Esta atividade é uma oficina de confecção de papel reciclado, onde são abordadas técnicas para produção do papel, atitudes ambientalmente corretas e preservação dos recursos hídricos.

– Abelha abelhinha faz zum-zum e mel – Esta atividade aborda a importância das abelhas, questões ambientais, a crise global de alimentos até a produção agroecológica. Essa atividade é adaptada de acordo com a faixa etária, porém indicada para séries finais.

– Bromélias, cactos e orquídeas: Quem são? Como vivem? – Essa atividade tem com objetivo apresentar as famílias botânicas das bromélias, dos cactos e das orquídeas de forma lúdica e dialógica, discutindo as adaptações ecológicas de cada uma, seus hábitos, formas de cultivo e sua importância para o meio ambiente.

– Números da natureza: Entendendo a vida com matemática – Essa atividade tem como objetivo introduzir os conceitos de ciência e do método científico utilizando as ferramentas matemáticas para entender a vida.

– Sementes do mundo: Plantando hoje para o amanhã! De uma pequena semente a uma árvore imensa. Como isso acontece? – Essa atividade é desenvolvida no Horto Florestal onde são discutidos o processo de produção de mudas, a biologia das sementes e suas adaptações ecológicas.

Texto Pietra Darde
Assessoria de Imprensa de Lajeado