Educação Lajeado

Cognição e Afeto na Aprendizagem pautam encontro de Formação Continuada da rede municipal de Educação

Integrando a proposta de formação continuada da rede municipal de Educação, denominada “Educar, Aprender e Evoluir”, nesta segunda-feira (29/07), o teatro da Univates ficou lotado ao receber cerca de 1.200 profissionais da rede municipal de Educação. Professores, monitores, supervisores, diretores e toda equipe da Secretaria de Educação (SED) de Lajeado assistiram à palestra: Desenvolvimento Cognitivo e Afetivo – Prática Docente e Aprendizagem, proferida pela doutora em Educação, Tânia Beatriz Iwaszko Marques. O encontro contou com a participação do prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, e da titular da SED, Vera Plein.

Trazendo reflexões enriquecedoras à prática educacional, a palestrante explicou que o desejo de todo educador é de que seus ensinamentos sejam, de fato, aprendidos por seus alunos. Entretanto, ponderou que é um desafio agir com empatia e atrair, ou seja, mexer com os alunos. “O meio social é imprescindível para que as aprendizagens ocorram, pois elas se dão através das relações. Se o aluno não tiver desejo de aprender, não vai aprender”, afirmou Tânia, explicando que, por outro lado, querer aprender não garante aprendizagem. Segundo ela, o desafio ajuda a crescer quando este está próximo do que o aluno dá conta, mas se estiver muito distante,
mesmo que o aluno preste muita atenção, ele não evoluirá.

“A aprendizagem ocorre quando o sujeito constrói uma novidade para si a partir das relações que estabelece entre aquilo que já sabe e aquilo de novo que o meio físico e social oferece. E o afeto é a energia que movimenta esse processo”, destacou Tânia.

O próximo encontro do projeto “Educar, Aprender e Evoluir”, e que também irá integrar as ações do Pacto Lajeado pela Paz, está agendada para ocorrer em 19/09/19, a se realizar no teatro da Univates. Conforme Vera Plein, será um ato de sensibilização dos profissionais da Educação, que tem papel de grande importância para o sucesso do pacto, que tem o objetivo geral de diminuir a violência no município.

Texto: Rafael Scheeren Grün
Foto de Layana Schnack
Assessoria de Imprensa de Lajeado