RS Educação RSS Westfália

Conferência debate metas e estratégias do Plano Municipal de Educação

Comunidade debateu, em grupos, ações do Plano Municipal de Educação (Foto: Divulgação)
Comunidade debateu, em grupos, ações do Plano Municipal de Educação (Fotos: Divulgação)

Revisar o Plano Municipal de Educação (PME) foi o objetivo principal da Conferência Municipal de Educação de Westfália, promovida pelo Fórum Municipal de Educação. A atividade foi realizada no dia 13 de novembro (segunda-feira), tendo por local o auditório da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Vila Schmidt, no Centro do Município. Os corais Municipal e Juvenil foram os convidados especiais da noite, apresentando três cantos à comunidade presente.

No início da Conferência, ainda houve pronunciamento de autoridades municipais. O presidente da Câmara de Vereadores, Jucimar Oneide Docena, reforçou a importância dos investimentos em educação. “Se a União investisse mais em educação, teríamos, sem dúvida, um país diferente”, completou. O edil também parabenizou a Administração Municipal de Westfália por acreditar e se preocupar com a educação. “Continuem investindo em educação. Valorizando os profissionais e incentivando a implantação de novas disciplinas, faremos a nossa parte”, acrescentou Docena.

Em sua fala, a secretária de Educação, Cultura, Turismo e Desporto, Elisangela Schneider Wiethölter, fez um resgate histórico da elaboração do Plano Municipal de Educação. “Esse trabalhou iniciou no ano de 2014, ainda na Administração passada, quando o então secretário Gustavo Sieben convocou uma comissão e começou os trabalhos de elaboração do PME”, relembrou, reforçando que o plano estabelece metas e estratégias para a educação do município nos próximos dez anos.

No entanto, conforme Elisangela, colocar o PME em prática não depende, apenas, da esfera municipal, mas também de recursos da União. “A meta da Conferência Municipal de Educação é revisar o Plano Municipal de Educação. São 159 estratégias, das quais 115 foram alcançadas enquanto município. Quarenta e quatro ainda não foram atingidas e a conferência foi sugerida para que estas fossem debatidas e elencadas as mais importantes”, explicou.

Durante sua fala, o prefeito, Otávio Landmeier, recordou que muito já se fez em educação desde a emancipação do município. “Todas as escolas receberam melhorias, ampliações e cobertura nas quadras esportivas. Para o próximo ano, inclusive, temos previsto no orçamento a reforma do Centro Municipal de Atendimento no Turno Inverso às Aulas (Cematia), que é um prédio antigo e necessita de melhorias, uma vez que abriga dezenas de crianças”, enalteceu.

Outra demanda urgente em Westfália é a construção da creche municipal, que inclusive está nas metas do Plano Municipal de Educação e é responsabilidade do município. “A área para a creche municipal foi adquirida ainda na gestão anterior, do ex-prefeito Sérgio Marasca. Ela já está cadastrada no Plano de Ações Articuladas (PAR) e, agora, nos resta aguardar”, ponderou o chefe do Executivo, lembrando que, em Porto Alegre, já buscou-se apoio político para a concretização da obra.

Em seu pronunciamento, Landmeier ainda frisou que, hoje, o município precisa assumir cada vez mais responsabilidades, as quais, antes, eram do Estado ou da União. “Isso vale não só para a educação, mas para outros setores também. Cada vez mais os municípios perdem a capacidade de investimentos com recursos próprios. Nesse sentido, é importante sentar e planejar”, pontuou o prefeito, acrescentando que as necessidades são sempre maiores que as disponibilidades.

Após os pronunciamentos, a coordenadora da Conferência Municipal de Educação, professora Simone Schneider Klein, fez a apresentação do regimento. Em seguida, ela convidou a palestrante da noite, professora Raquel Konrath, para conversar com os presentes. Na oportunidade, ela falou sobre sua trajetória profissional e a importância da educação infantil, bem como responsabilidades da esfera municipal enquanto educação básica.

A composição dos grupos e a discussão das metas do Plano Municipal de Educação ocorreu após a explanação de Raquel Konrath. A apresentação dos apontamentos aconteceu minutos depois, seguida de escolha dos delegados que representarão Westfália nas conferências Estadual e Nacional. Na oportunidade, foram eleitos: Lívia Rückert, Rosvita Ahlert, Elaine Cristina Schröer Kohl, Vaneza Cossa, Núbia Regina dos Santos, Anelise Grimm Horst, Eloísa Bloemker Carvalho, Adriano Barth e Gustavo Sieben.

Delegados eleitos para representar Westfália na Conferência Estadual de Educação (Foto: Divulgação)
Delegados eleitos para representar Westfália na Conferência Estadual de Educação

Texto: Ascom Westfália