RSS Rural - Agricultura Destaques Cruzeiro do Sul

Curso de Boas Práticas Agrícolas reúne produtores em Cruzeiro do Sul

Produtores receberam qualificação (Foto: Tiago Bald)
Produtores receberam qualificação (Foto: Tiago Bald)

Cerca de 30 agricultores de municípios do Vale do Taquari que realizam operações junto às Centrais de Abastecimento do Estado do Rio Grande do Sul (Ceasa/RS) participaram na sexta-feira (24) de um curso dinâmico sobre Boas Práticas Agrícolas (BPA). A atividade – organizada pela Emater/RS-Ascar, com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) e Secretaria de Agricultura – ocorreu na propriedade do produtor Ricardo Gregory e Lisiane Scheibler, da Linha 22 de Novembro, em Cruzeiro do Sul.

Etapa obrigatória para a renovação da carteira da Ceasa/RS, a capacitação contou com seis estações de trabalho em que foram abordados os temas, boas práticas agrícolas em horticultura, legislação de agrotóxicos, tecnologias de aplicação de produtos, uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), manejo de pragas e doenças e contaminação biológica. “São assuntos importantes e que visam a qualificação do agricultor e, consequentemente, do produto entregue ao consumidor”, destacou o gerente regional da Emater/RS-Ascar, Marcelo Brandoli.

Exigida juntamente com a Declaração de Intenção de Cultivo (DPIC) para os produtores que desejam vender no Galpão de Produtores da Ceasa/RS, a qualificação também buscou apresentar alternativas para o cultivo de alimentos seguros, pautados pelas boas práticas agrícolas. “Ainda que a mídia possa se tornar, em alguns casos, alarmista, o que se sabe é que, em muitos casos, as inconformidades relacionadas ao uso de químicos na horticultura estão muito menos ligadas ao excesso e mais ao uso de produtos inadequados para esta ou aquela cultura”, lembrou Brandoli.

Para o anfitrião do dia, atividades como o curso não são apenas importantes, mas necessárias. “É preciso trocas experiências, conhecer tecnologias e se aprimorar constantemente”, salientou o agricultor, que há mais de 25 anos entrega aipim, milho e moranga nos balcões da Ceasa/RS. Somente de aipim, ele chega a carregar cerca de 10 toneladas de produto, por semana, quando a safra está no auge – tudo com o apoio da esposa Lisiane e dos três filhos, Sônia, Sandro e Lucas Gregory.

Os 30 produtores capacitados no curso se juntam a outros 350 que se qualificaram recentemente, no Vale do Caí, em atividades realizadas nos municípios de Feliz e São Sebastião do Caí. Brandoli lembra que estas atividades também levam em conta a saúde de agricultores e de consumidores, sendo importante o cultivo de produtos diferenciados, com aplicações corretas e que respeitem os prazos de carência. “O que faz com que toda a sociedade se beneficie”, finaliza.

Texto: Ascom Emater