RSS Obras Teutônia

DNIT apresenta projetos para entroncamento da Via Láctea com a BR-386

Hiratan (c) explicou detalhes das obras complementares na BR-386 (Foto: Édson Luís Schaeffer)

Com a proximidade da conclusão das obras de duplicação da BR-386, entre Estrela e Tabaí, surgem as expectativas quanto às obras complementares, que não estavam previstas no cronograma da duplicação. Em função disso, na manhã da quinta-feira (26), o prefeito de Teutônia, Jonatan Brönstrup, recebeu o engenheiro do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) Hiratan Pinheiro da Silva e o assessor Eduardo André Dientsmann. Na ocasião, os representantes da autarquia apresentaram projetos previstos para o entroncamento da ERS-128 (Via Láctea) com a BR-386, em Fazenda Vilanova.

O município não é lindeiro à rodovia federal, mas depende diretamente dela para se deslocar até outras regiões, principalmente à Região Metropolitana, sendo que a ligação até a BR-386 ocorre pela Via Láctea. No projeto inicial de duplicação, o acesso a Teutônia, em Fazenda Vilanova, foi contemplado com uma rótula fechada. Projetando o aumento de tráfego, a construção de um viaduto foi prevista para as obras complementares.

Silva observou que as obras de duplicação iniciaram em 2010 e que, infelizmente, não foram concluídas até o momento. “Estamos há oito anos nessas obras de duplicação. Tudo indica que, em breve, vamos finalizar a parte principal da duplicação, que era para ter sido encerrada em 2013. Mas, infelizmente não conseguimos terminar a duplicação para iniciar as obras complementares, que eram obrigatórias a partir de 2017 ou 2018”, expôs.

O engenheiro ainda explicou o porquê não ter sido construído um viaduto no início da duplicação. “O viaduto não entrou na duplicação, porque na época não era necessário, pois a rótula era o suficiente. Mas, a obra se estendeu demais do que o previsto e percebemos que o volume de tráfego aumentou bastante. Agora, com a concessão, que deve ser licitada ainda em 2018, o viaduto já está apontado no plano de melhorias, pois é uma obra necessária para atender a demanda de tráfego”, colocou.

O prefeito, Jonatan Brönstrup, salientou que o viaduto é uma obra de extrema importância para Teutônia e região. “A facilidade no acesso a uma das principais rodovias do Estado é uma forma de atrairmos novos investimentos ao município, isso sem contar a segurança, não somente para a comunidade teutoniense, mas a todos os usuários da Via Láctea e da BR-386”, sublinhou.

Os representantes da autarquia ainda apresentaram outros procedimentos que o DNIT está fazendo na BR-386. O prefeito aproveitou a oportunidade para expor a proposta do Município em construir duas rótulas fechadas nos trevos de acesso aos bairros Canabarro e Languiru, cujo novo processo licitatório para a elaboração do projeto está sendo encaminhado.

Texto: Ascom Teutônia