Região RSS Obras Destaques

EGR inicia o projeto executivo de alargamento da pista nas ERSs 129 e 130

Momento em que o presidente da CIC Vale Pedro Barth entrega o ofício ao secretário de Transportes do RS (Foto: SWobeto Editoria e Vídeo)

O anúncio da execução do projeto foi durante a audiência realizada na manhã da quinta-feira (03), na secretaria de Transportes do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. O encontro foi promovido pela Câmara da Indústria, Comércio e Serviços do Vale do Taquari (CIC Vale do Taquari), Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat), com apoio do Conselho de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat).

Participaram da reunião o secretário de Transportes, Humberto Brandão Canuso, o diretor-presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) Nelson Lidio Nunes, assessores, o presidente da CIC Vale do Taquari, Pedro Barth, diretores da entidade Oreno Ardêmio Heineck e Leandro Eckert, Marcelo Caumo, presidente da Amvat, os prefeitos de Arroio do Meio, Klaus Schnack e de Doutor Ricardo, Catea Rolante, a presidente do Codevat Cintia Agostini, o coordenador de Projetos Especiais da prefeitura de Lajeado Isidoro Fornari, além do ex secretário de Transportes, Pedro Westphalen.

O presidente da EGR explicou que existe um consórcio formado pelas empresas STE, SD e Dynatest, que está executando vários projetos no Estado, e um deles, contempla as ERSs 129 e 130. “O projeto já está contratado e em andamento para avaliarmos quanto ao aumento de capacidade nessas duas rodovias. Assim que eu tiver esse resultado em mãos, nós vamos atacar os pontos mais críticos. O acostamento que estiver em melhores condições, nós vamos tratar para que ele possa ser usado.”

Na próxima semana, o secretário de Transportes se comprometeu em informar todo o cronograma e as fases desse projeto. Durante a audiência, a CIC Vale do Taquari, com apoio das entidades regionais, entregou um ofício ao secretário de Transportes, onde solicita a inclusão da duplicação nas obras prioritárias a executar do governo do Estado.

Conforme Pedro Barth, presidente CIC Vale do Taquari, “a ERS 130 não comporta mais o movimento, ou seja, o tráfego no local, principalmente nas horas de pico. A nossa preocupação é que somos uma região produtora muito forte na produção de alimentos.”

 

 

 

Texto: Ascom CIC Vale do Taquari