Esporte Mulher Eventos Destaques Estrela

Elas fizeram da Só Elas/Rola Moça um sucesso

Quinta edição da prova de corrida, caminhada e kangoo jump ficará marcada por recorde de participantes

Depois do sábado (09) chuvoso e fechado, o domingo (10) amanheceu com sol aberto. Era a queda da última justificativa comum para que nenhuma das 748 inscritas faltasse à largada da “5ª Só Elas/Rola Moça – Corrida, Caminhada e Kangoo”. E elas de fato marcaram presença na prova dedicada exclusivamente às mulheres, organizada pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel), dentro da programação do XIII Multimulher de Estrela, com patrocínio da Rola Moça e apoio da Liga Feminina de Combate ao Câncer de Estrela, para a qual é revertido parte do valor arrecadado com as inscrições.

Foi uma manhã repleta de atrações antes, durante e depois das largadas no Parque Princesa do Vale. A Corrida, em caráter competitivo, aconteceu no percurso de 5 km. Foi vencida por Christiane Alves (00:20:36), de Candelária-RS. “Comecei a correr há pouco mais de um ano para emagrecer. Gostei, emagreci 20 quilos e aí não parei mais”, disse ela, ainda recuperando o fôlego. “Adorei a prova aqui. A organização, o trajeto, tudo muito maravilhoso. Estrela está de parabéns.” A Corrida de Kangoo Jump, vencida por Debora Hesse Machado (00:13:09), ocorreu no percurso de 3 km; mesma distância de quem optou por caminhar. Os resultados finais podem ser conferidos no link do Só Elas no site www.chipbrasil.online/eventos, que auditou os resultados.

Apoio deles

O bonito dia de sol era também o convite perfeito para que familiares e a torcida em geral tomassem as calçadas do circuito de rua, em apoio às mulheres. Thiago Reichel e os dois filhos chegaram cedo à concentração. Vieram de General Câmara-RS para acompanhar e apoiar a esposa e mãe Débora Bortoli. “Fiquei sabendo da prova pela internet. Pelo que me informei é muito legal. A organização mostra desde o início que é muito boa, antes mesmo de tudo começar”, destacou ela, em uma referência ao reforçado café da manhã e aos serviços disponíveis, entre eles as sessões de massagem. “Vou cuidar dos guris.Hoje a manhã é dela”, garantiu Reichel. Já Levi Boss, de Cachoeirinha-RS, não se limitou aos gritos da calçada. “Invadiu” o asfalto e percorreu os últimos 200 metros da corrida ao lado da esposa, Eliane Oliveira Boss, incentivando-a a finalizar o trajeto. “Sei que a prova é delas”, brincou. “É meu reconhecimento ao seu esforço”, resumiu.

Todas as idades

Por envolver a parte competitiva com as corridas, mas também de integração, com a caminhada e as demais atrações, a Só Elas/Rola Moça tem ficado marcada pela multiplicidade e diversidade das participantes. Até a “Mulher Maravilha” marcou presença nesta edição. “Vim correr fantasiada assim para mostrar que nossa autoestima deve ser crescente, pois somos todas maravilhosas”, justificou Marina Pandolfo Canton, de Guaporé-RS. Exemplo reconhecido foi o dado pelas amigas Olgita Wailer e Veleda Mallmann, ambas de Estrela. Com 81 e 89 anos, respectivamente, completaram orgulhosas o percurso da caminhada e receberam suas medalhas de participação. “Vou estar ano que vem aqui com 90 anos”, garantiu Veleda.

Já Sofia Bauer não caminhou especificamente, mas fez todo o percurso. Com apenas seis meses de idade, foi “colada” ao corpo da mãe, Daiane, de Lajeado, graças a um acessório. Dormiu antes da prova mesmo em meio a muita conversa e risadas. Só acordou com sirene da largada, mas com o embalo dos passos pegou no sono de novo metros depois. Na linha de chegada estava alerta outra vez. Não expressou bem seu sentimento, mas parecia ter gostado do brilho da medalha que recebeu. “Quero desde cedo incentivá-la às práticas da boa saúde”, avisou a mãe, Daiane Bauer.

Brindes e atrações

Ao fim das provas, as mulheres foram brindadas com a degustação da espumante Garibaldi, uma das apoiadoras do evento, realizada através da taça de acrílico oferecida no Kit Atleta, a que todas as inscritas tiveram direto. Além da taça, o kit era composto por uma baby look Rola Moça; sacola Rola Moça; toalha; squeeze; número de peito e chip descartável (corrida e kangoo), medalha de participação e outros brindes. Café, lanches e muita água e as sessões de massagem seguiram disponíveis. Não foram poucas as que, mesmo um pouco mais cansadas, resgataram energias para participar das aulas coletivas Zumba e Kangoo. Foram sorteados ainda, entre as mulheres inscritas e somente as ainda presentes aos local, seis kits de suplementos de vitaminas e minerais da Flofarma. Também uma gargantilha de 18 quilates swarovski exclusiva, desenvolvida pelo atelier Jornada Reali Ferri – Joias exclusivas, que acabou no pescoço de Maria Luzenilda Oliveira, de Lajeado, que não parecia acreditar.

Premiação

Além das mais de 740 medalhas de participação, foram distribuídos mais de 50 troféus e outras 28 medalhas para as premiações da corrida e do kangoo jump. Na corrida 5 km receberam troféu as cinco primeiras colocadas no geral. Também por faixa etária, no total de 12 categorias, com troféu para as três primeiras colocadas e medalhas para terceiro e quarto lugar. Também troféus para a maior academia ou grupo de corrida, que foi a “Santiago Running”, de Bom Retiro do Sul, com 48 inscritos presentes, e participante de mais idade. A premiação seguiu a mesma ordem no kangoo, apesar de serem apenas duas categorias de faixa etária. O maior grupo kanggo foi para “Simone Scholz academia feminina”, com 38 integrantes, de Santa Cruz do Sul-RS.

 

 

Prefeitura de Estrela