Região RSS Destaques Turismo

Empreendedores participam de projeto visando aprimorar os serviços de turismo

Agroecologia Ferrari oferece o serviço de “Colhe e Pague” (Foto: Arquivo Pessoal)

Dez empreendimentos de Arroio do Meio e Estrela apostaram no projeto Turismo de Natureza, iniciativa da Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales) em parceria com o Sebrae.

Entre eles está o Agroecologia Ferrari que em 2010 começou a participar de qualificações e explorar o negócio familiar existente há 15 anos. Em 2014, Marcia Inês Sbruzzi Ferrari juntamente com o esposo e a filha, passou a oferecer o serviço de Colhe e Pague, por meio do roteiro Caminhos da Forqueta. “Como os produtos orgânicos são perecíveis, precisávamos pensar em uma forma de comercializa-los prezando a qualidade. Então, passamos a oferecer a cesta e o chapéu as pessoas, elas vão para a horta conhecer e colher o que precisam”, explica, Marcia. Durante o processo, os proprietários interagem com os visitantes contando a história da agroecologia e da cultura da comunidade.

A propriedade da família conta com um quiosque receptivo onde também é comercializado produtos processados produzidos por eles, bem como de parceiros local e de agricultores de outros municípios.

Conforme Marcia, participar do projeto Turismo de Natureza já vem trazendo mudanças e melhorias para o negócio da família. “A ajuda dos consultores tem sido fundamental, eles tem visão do que precisa ser feito para crescermos. Na parte de divulgação e marketing foi um quesito que de cara percebemos um avanço”, comenta. Ela ressalta que muitos visitantes revelam ter conhecido o Agroecologia por meio de aplicativos criados dentro do projeto. Além disso, o trabalho em conjunto faz toda a diferença, “pois uns ajudam os outros”.

Produtos processados também estão à venda no quiosque receptivo da propriedade (Foto: Arquivo Pessoal)

De acordo com Marcia, o fluxo de visitantes é excelente. “Não temos um número preciso. Em dois anos, através do livro de registro, mais de dois mil visitantes passaram por aqui, mas isso é relativo, porque muitos não assinam e a maioria vieram pela primeira vez. Muitas pessoas vem com bastante frequência, por isso não temos uma quantidade exata”, relata.

Interessados em conhecer a propriedade podem agendar a visita por meio das redes sociais facebook.com/agroecologiaferrari/ ou pelo telefone/whatsapp (51) 9 9300-8680 ou 9 9255-5962. “A entrada é gratuita, são pagos apenas os produtos adquiridos. Quando recebemos visitantes através do roteiro é cobrado um valor, mas isso é feito por intermédio da agência de turismo”, explica.

Conforme o gestor do Sebrae de Lajeado, Diego Zenkner, o nome do grupo ainda está em fase de desenvolvimento, mas esta é uma das ações a serem concluídas neste ano. “O próprio município tem um coração como símbolo e os empreendedores querem trabalhar esta questão de cuidado com a saúde e bem estar”, revela.

Empreendimentos:
Off Aventura – Estrela
Centro de Lazer Arroio Grande – Arroio do Meio
Trilha Ecológica – Arroio do Meio
Agroecologia Ferrari – Arroio do Meio
Hotel e Restaurante Moinho da Luz – Arroio do Meio
Arrebanhando Rau – Arroio do Meio
Requinte Chocolatteria – Arroio do Meio
Cabanha Duas Meninas – Arroio do Meio
Sulaticult – Arroio do Meio
Artecrem – Arroio do Meio

Além dos atrativos privados, Arroio do Meio proporciona belezas naturais como o Morro Gaúcho, a 560 metros de altura, que possibilita ao turista contemplar do alto a grandeza da Região. Além disso, é local de prática de esportes de aventuras, como paraglyder; Construída em 1939, a Ponte de Ferro, que durante anos serviu de ligação aos municípios da parte alta do Vale com a Capital Gaúcha, também é ponto de visitação. Sua estrutura metálica, importada da Alemanha, atualmente é utilizada para a prática de rapel e pêndulo. No centro da cidade, a Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, erguida de pedra em 1940, conserva o estilo neogótico e, no seu interior, esbanja exuberância e belíssimos vitrais e pinturas, atraindo não só os religiosos.

O projeto
O projeto Turismo de Natureza, uma ação para 2018/2019, integra 10 municípios, incluindo Muçum, Encantado, Nova Bréscia, Vespasiano Corrêa, Sério, Boqueirão do Leão, Progresso e Forquetinha e, ao todo, 30 empreendimentos e tem o objetivo de alavancar o turismo no Vale do Taquari, através da promoção, divulgação e melhor oferta de serviços e produtos turísticos de um trabalho coletivo.

De acordo com a turismóloga da Amturvales, Lizeli Bergamaschi, “os atrativos naturais que cada município tem a mostrar e ser explorado pelo visitantes é o fator principal que motivou o projeto, fazendo que apostássemos nesta ideia”, relata.

Os três grupos, Vale dos Túneis e Viadutos, Caminho das Cascatas e Arroio do Meio, recebem as mesmas capacitações. “Eles se reúnem mensalmente para discutir ações, trocar experiências, receber consultoria coletiva e individual, participam de visitação técnica e qualificam os serviços que oferecem”, explica, Zenkner.

Texto: Ascom Amturvales