Saúde RS RSS Imigrante

Empresas possibilitam a realização de testes rápidos

A ação iniciou com a Campanha Novembro Azul, onde foi acrescentada a prevenção de IST (Foto: Luise Tombini/Divulgação PMI)

Uma picada, algumas gotas de sangue e alguns minutos são suficientes para detectar HIV, Sífilis, Hepatites B e C. Desde novembro a equipe da Secretaria Municipal da Saúde e Assistência Social vêm realizando testes rápidos, destas quatro doenças, nas empresas de Imigrante.

A ação iniciou com a Campanha Novembro Azul, onde foi acrescentada a prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) que podem acometer homens e mulheres.

A enfermeira Leandra Koempfer ressalta que o papel da saúde é ir em busca das pessoas. Também e fundamental a parceria das indústrias que possibilitam a realização do exame durante o expediente, fazendo com que eles não percam o expediente. “As empresas abriram as portas para os profissionais da área, o que demonstra uma preocupação do Poder Público e das empresas com a saúde dos trabalhadores”, relata ela.

Os testes foram realizados nos funcionários da Gota Limpa e da Metalúrgica Hassmann, até o momento. A ideia é continuar visitando outras empresas do município. Para a ação, a equipe contou com a autorização das indústrias, que disponibilizaram o espaço para a realização dos testes e fizeram a listagem dos empregados interessados em participar.

Todos os interessados em fazer os testes rápidos podem procurar o Centro de Saúde. Não é necessário consultar, pois eles são feitos diretamente pela enfermeira. Os resultados são sigilosos e são entregues apenas para o paciente no ato do atendimento.

A sífilis tem cura, já o HIV e as Hepatites B e C necessitam de acompanhamento e tratamento por toda a vida, mas a sociedade ainda discrimina os portadores destas doenças. “Para a população cuidar de sua saúde a melhor forma de garantir a qualidade de vida ainda é a prevenção”, destaca. As pessoas que realizaram os testes também receberam preservativos.

Em caso de dúvidas, pode-se contatar a enfermeira Leandra diretamente na unidade de saúde ou pelo telefone (51) 3754-1031, em horário de expediente.

Texto: Ascom Imigrante