Emprego Social Investimento RS Educação RSS Obras Os Vales em Notícia Destaques Teutônia

Escola Municipal de Educação Infantil do Bairro Alesgut é entregue à comunidade

Escola Caminhos do Saber será transferida para o novo espaço e atenderá 132 crianças

Dia 31 de janeiro de 2020, mais uma data para ficar na história de Teutônia. Após sete anos de muitos entraves, no início da noite de sexta-feira foi entregue à comunidade teutoniense a edificação da Escola Municipal de Ensino Fundamental do Bairro Alesgut, que abrigará a Escola Caminhos do Saber.

A cerimônia, que contou com a recepção da Orquestra Jovem e do Coral Municipal Infantojuvenil de Teutônia, foi marcada pela emoção e brilho no olhar de mães, pais, crianças, autoridades e toda comunidade escolar. Afinal, por muitas vezes, a conclusão da obra parecia que não iria ocorrer. Mas com a união de forças e várias tratativas do Executivo em Brasília, a comunidade teutoniense foi agraciada com este importante espaço, que atenderá 132 crianças.

O prefeito, Jonatan Brönstrup, lembrou que a retomada das obras da Emei do Bairro Alesgut foi um compromisso assumido e que, agora, está saindo do papel. “Esta é uma obra histórica, pois foram sete longos anos de incertezas, pois muitas coisas fogem do alcance da Administração Municipal. Mas assumimos este compromisso, em que a Educação Infantil esteve sempre em pauta desde o nosso primeiro dia de governo, chegando em 2020 com mais de R$ 10 milhões que serão investidos neste nível de ensino. Da mesma forma, aqui outorgamos mais uma vez a nossa missão de investir nas pessoas”, afirmou.

O vice-prefeito, Valdir Oliveira do Amaral, também destacou o compromisso do governo municipal com a Educação Infantil. “Foram muitas tratativas para que esta obra tão linda saísse do papel e fosse concluída. Aqui as crianças terão o carinho, o amor, a dedicação de uma equipe comprometida. Assumimos e entregamos à comunidade este compromisso assumido”, enalteceu.

O deputado federal Lucas Redecker, que procurou agilizar a liberação das parcelas restantes para a conclusão da obra junto ao Ministério da Educação, lembrou que vários municípios estão enfrentando as mesmas dificuldades. “Estou muito feliz de chegar aqui e ver a alegria da comunidade com esta escola, afinal esta foi uma das poucas escolas que teve o restante dos recursos liberados. E se não fosse a persistência do Executivo, a obra ainda estaria parada. Aqui a gente vê que as coisas funcionam e saem do papel, apesar de todas dificuldades. Aqui se está investindo no futuro do município, plantando sementes para a formação de novos cidadãos”, afirmou.

Conforme a secretária de Educação, Rosana Schneider Rührwiem, a escola do Bairro Alesgut faz parte dos esforços constantes da Administração Municipal em reduzir a fila de espera na Educação Infantil. “Oferecemos mais tranquilidade para as mães do Bairro Alesgut, para que possam trabalhar, com a certeza de que seus filhos serão bem atendidos por uma equipe de servidores muito qualificados. Temos pautadas nossas ações para o que é melhor para as pessoas e como principal bandeira a Educação Infantil. Aqui está a prova disso”, frisou.

Após o pronunciamento das autoridades, ainda houve a bênção religiosa ministrada pelo pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, padre Eduardo Schuster. Em seguida, houve o descerramento da placa inaugural e o desenlace da fita, além de visitação às dependências do novo educandário.

A escola é do projeto Proinfância Tipo B. Trata-se de uma edificação de 1.323,58 m2, composta por cinco blocos: administrativo, de serviços, multiuso e dois pedagógicos. O bloco pedagógico contempla, entre outros espaços, oito salas, sendo duas de Creche I (0 até 18 meses), duas de Creche II (18 meses até 3 anos), duas de Creche III (3 anos até 4 anos) e duas de Pré-escola (para crianças de 4 até 5 anos e 11 meses).

No ano passado, 70 crianças eram atendidas pela Escola Caminhos do Saber em um prédio menor, alugado, também no Bairro Alesgut. Agora, com o novo prédio, serão 132 crianças que poderão ser atendidas. A edificação fica ao lado da Escola Municipal de Ensino Fundamental Leopoldo Klepker, transformando a região num importante complexo educacional.

Sete anos de obras

As obras da escola iniciaram em 2013. Em 2014, a empresa executora abandonou a obra, que ficou parada até 2017, quando o Município fez uma nova licitação. Em outubro do mesmo ano, reiniciaram as obras do educandário. No entanto, o Governo Federal, entre final de 2018 e início de 2019, não repassou as parcelas restantes para concluir a obra, que foi paralisada.

Com o receio de uma nova rescisão contratual com a empresa e a própria deterioração da obra paralisada, o Executivo fez várias tratativas com o Ministério da Educação e com parlamentares, dentre eles o deputado federal Lucas Redecker, que também procurou agilizar a liberação do recurso, além da intervenção da promotora Vanessa Saldanha de Vargas, da Promotoria Regional da Educação, com sede em Santa Cruz do Sul.

As obras foram retomadas no segundo semestre de 2019, após o Governo Federal liberar as parcelas que estavam em atraso. O investimento total da obra foi de R$ 1.708.439,25, sendo R$ 1.350.730,53 de recursos federais e o restante de contrapartida da Prefeitura.

Escola no Bairro Canabarro e contratação de mais de 30 profissionais

Ainda no mês de janeiro, a Prefeitura de Teutônia inaugurou a Emei Aprender Brincando, no Bairro Canabarro, que atenderá 64 crianças. O imóvel foi adquirido no final de 2018 e passou por reforma, adaptando o espaço às necessidades de atendimento das crianças, contemplando as exigências pedagógicas. O investimento na reforma foi de R$ 54.544,78.

A escola no Bairro Canabarro possui 207 metros quadrados e estrutura térrea. O educandário conta, além de outros espaços, com quatro salas de aula, refeitório e cozinha. A localização Emei é estratégica, sendo próxima à Piccadilly, bem como da Vila Esperança, Loteamento Arco Íris, Loteamento Roloff e de outras áreas de expansão no Bairro Canabarro, que possui a maior demanda na Educação Infantil.

Para atender a demanda das duas escolas municipais de Educação Infantil, a Secretaria de Educação está realizando a contratação de mais 30 profissionais para atuar nestes espaços, a partir do concurso público realizado no final de 2018. Estão sendo chamados 14 monitores efetivos e mais 10 em forma de contratação temporária; oito professores de Educação Infantil efetivos; e cinco serventes em forma de contratação temporária.

 

Texto: Édson Luís Schaeffer
Foto: Paulo Sérgio Rosa/divulgação