Destaques Estrela Turismo

Estrela busca selo “Turismo Responsável”

Um dos pontos que integra o roteiro é o Alambique Berwanger

Secretaria de Cultura e Turismo incentiva empreendedores a se cadastrarem no Ministério do Turismo

 
A Secretaria de Cultura e Turismo (Secultur) de Estrela está incentivando os empreendedores do município a se cadastrarem no Ministério do Turismo. O Sistema Nacional de Cadastro dos Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) é online, para empresas e profissionais do setor. Seu objetivo é promover o ordenamento, a formalização e a legalização dos prestadores de serviços turísticos em todo o país que, entre outros, poderão contar com benefícios como o incentivo à participação em programas e projetos do governo federal e em programas de qualificação promovidos e apoiados pelo Ministério do Turismo e acesso a financiamento por meio de bancos oficiais.  
Em razão da pandemia do novo coronavírus, o Ministério lançou também o selo “Turismo Responsável”, um programa que estabelece boas práticas de higienização para cada segmento. É um incentivo para que os consumidores se sintam seguros ao viajar e frequentar locais que cumpram protocolos específicos para a prevenção da Covid-19. Nestes dois casos, a Secretaria de Cultura de Estrela está colocando profissionais para auxiliar os empreendedores e empresas do ramo – hotéis, restaurantes e outros – a efetuarem o cadastro.
A secretária de Cultura e Turismo, Carine Schwingel, destaca a importância de que as empresas tomem estas providências porque, segundo ela, também serão relevantes para que o município possa desenvolver novas ações para incrementar o setor. “Estamos elaborando Plano Municipal de Turismo e com o cadastro no ministério poderemos incluir os estabelecimentos em atividades locais”, diz. As informações e dados deste cadastro vão nortear as iniciativas em nossa cidade”, completa.
Conforme Carine, até o final de julho a Secultur deve lançar o programa Redescobrindo Estrela. De caráter permanente, consistirá em roteiros de visitas a pontos turísticos e históricos da cidade, valorizando e potencializando o turismo local e promovendo o crescimento econômico. “Queremos organizar eventos específicos nos pontos mapeados, a fim de desenvolver o local e oferecer novas opções de lazer para a comunidade”, explica. Por este motivo, segundo a secretária, é importante que as organizações ligadas ao setor façam seu cadastro no ministério, inclusive para obter o selo Turismo Responsável, que dará segurança para as pessoas que visitarem o município. 
 
Texto: Paulo Ricardo Schneider
Assessoria de Imprensa Prefeitura de Estrela