Saúde Estrela

Estrela debate a saúde em sua 7ª Conferência Municipal

Evento que teve como tema a “Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS” foi realizado nesta terça-feira

Delegados titulares e suplentes eleitos

Pela sétima vez, a saúde voltou a ser motivo para uma ampla, planejada e aberta discussão em Estrela. “Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS” foi o tema central da 7ª Conferência Municipal da Saúde, realizada ao longo da terça-feira (02). Dezenas de autoridades políticas e ligadas ao setor, representantes de entidades e instituições como também pessoas da comunidade participaram do evento e quem compareceu à Câmara de Vereadores pode participar ativamente do debate e apresentar propostas-base para futuras decisões e ações.

Além da comunidade em geral, marcaram presença o vice-prefeito Valmor Griebeler, os secretários municipais da Saúde, Elmar Schneider; do Meio Ambiente, Hilário Eidelwein; e do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação, José Itamar Alves; o presidente do Conselho de Saúde, o Adeli Scheeren, conselheiros municipais da saúde e de outras áreas. Ainda o presidente da Câmara de Vereadores, Élio Kunzler, a vereadora Débora Martins e outras lideranças. “Aproveitem esta chance de debate, pois na nossa saúde o que é feito é antes discutido e aprovado em nosso conselho, e isso é fundamental. Gastamos hoje no Brasil demais em doença. Precisamos sim é investir mais em prevenção, desde cedo, e programas como o Criança Feliz e o Primeira Infância Melhor são bons exemplos do sucesso destas iniciativas”, disse o titular da Saúde, Schneider. O SUS é um dos melhores sistemas construídos no mundo, mas é preciso ver o que ocorreu. É preciso buscar respostas, soluções, e estamos aqui dispostos a isso”, resumiu. As últimas palavras do secretário anfitrião ao público combinaram com as primeiras da palestrante da manhã, a secretária da Saúde de Imigrante, Regiane Möllmann, que depois adotou um tom mais crítico em relação ao sistema.

Grande público prestigiou e participou da conferência

Na parte da tarde foram formados três grupos de trabalho, que discutiram e levantaram sugestões sobre os três eixos temáticos: a saúde como direito; a consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS) e o financiamento adequado e suficiente para o SUS. Depois desta etapa ocorreu a plenária final, com leitura, votação, aprovação das propostas e homologação dos nomes dos delegados que vão representar o município nas etapas estadual e federal. São sete delegados, quatro titulares e três suplentes, obedecendo a paridade entre os segmentos governamental, usuários, prestadores de serviços e profissionais de saúde. São eles: delegados – Ciliana Franco (representante prestadores serviço); Débora Regina Martins (representante profissionais da saúde); Regina Maria Mallmann (usuários); Adelaide Maria Hauschild (usuários);suplentes – Aline dos Santos e Bárbara Caroline Machado (representantes dos profissionais da saúde) e Rudi José Freidrich (usuários).

 

Assessoria de Imprensa de Estrela