Estrela Geral

Estudo apontará melhor forma de utilização do Porto de Estrela

Prefeito Rafael Mallmann recebeu equipe da UFSC que está fazendo estudo sobre o complexo

Num primeiro momento, representantes do ministério e universidade
apresentaram dados já apurados sobre o complexo

Estudo que está sendo feito pelo Laboratório de Transportes e Logística da Universidade Federal de Santa Catarina (Labtrans/UFSC) para o Ministério da Infraestrutura, a fim de inserir o Porto de Estrela no Plano Mestre Portuário, deve apontar a reclassificação do complexo, que hoje, dentro do Sistema Portuário Nacional, é classificado como “organizado delegado”. Na segunda-feira (01.04) o prefeito Rafael Mallmann recebeu uma equipe da universidade, que está colhendo informações sobre a realidade do porto, abrangendo temas como demanda, infraestrutura e operação, acessos, meio ambiente, relação porto/cidade e gestão.

O prefeito diz que vê com bons olhos o movimento do Ministério da Infraestrutura em trazer a universidade para realizar este trabalho com os portos de todo o país. No caso específico de Estrela é, segundo ele, mais um passo para, no futuro, serem retomadas as atividades do complexo.

Mallmann lembra que tramita no Ministério da Infraestrutura o pedido de municipalização. O objetivo do Governo de Estrela é, por meio de parcerias com a iniciativa privada, atrair investimentos para a área. O secretário do Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Paulo Finck, cita que o primeiro passo para que ocorra a municipalização é a reclassificação. A forma de utilização do complexo, conforme Finck, vai depender da nova reclassificação, a partir do estudo da UFSC. “A universidade fará o planejamento estratégico, de outorga e o Plano Mestre, direcionando o porto para seu melhor aproveitamento”, completa.

De acordo com Paulo Finck, muitas informações já foram apuradas pela universidade, como a questão viária, capacidade das rodovias. Também será feito estudo da bacia hidrográfica do Taquari.

O encontro com o Executivo contou com a presença de Magnólia Maria Pinheiro Daniel, do Ministério da Infraestrutura; Jece Lopes, Fernando Seabra e Aline Huber, do Laboratório de Transportes e Logística da UFSC; Bruno Almeida, do Porto de Porto Alegre; dos secretários do Planejamento, Paulo Finck, e da Fazenda, Henrique Lagemann, e assessores. A municipalização do porto voltará a ser discutida com o governo federal no próximo dia 22 de abril, em audiência que o prefeito terá no Ministério da Infraestrutura. Depois do encontro na prefeitura o grupo visitou o complexo, verificando “in loco” a estrutura existente.

 

 

Texto e foto: Paulo Ricardo Schneider
Assessoria de Imprensa Prefeitura de Estrela