Artigos - Turismo

“Eu amo, eu cuido, eu preservo e assim eu divulgo o Turismo!” este é o artigo da Gestora em Turismo Elisabete Lenhard

elisabete
Elisabete Lenhard (Foto: Divulgação)

No meu último artigo falei da importância das pessoas gostarem de viver em sua cidade para que esta seja bem quista pelo turista. E neste embalo quero citar os municípios de Arroio do Meio e Estrela como exemplo.

Conheça um pouco da trajetória de Arroio do Meio: “Despertar o amor, o carinho, o bem querer pelo lugar que vivemos, valorizando cada canto, recanto e encanto desta terra e desta gente, passou a ser um grande desafio para o grupo Conversando sobre Turismo que, desde julho de 2015, conversa sobre este tema, Turismo.

Tão importante quanto trazer o turista é despertar na comunidade local, o reconhecimento do nosso potencial material e imaterial. É preciso sentir orgulho de morar aqui, é preciso amar para cuidar, é preciso bendizer para que todos saibam, aqui é um lugar especial. Eu amo Arroio do Meio! O nome nasceu a partir dos famosos letreiros, cartão postal de muitos países, sugerido pela arquiteta Juliana Gasparotto em projeto encaminhado pela CDL. A ideia era genial, mas era preciso agregar ações, pois caso contrário, seria apenas um bom lugar para fotografar com a família e amigos. Verificamos que existem ações similares, uma delas ‘Aqui bate um coração’ mas foi uma foto em especial, enviada pela Liselena Neumann, que fez sentido, muito sentido. Envolver fotografia, sentimento, lugares, pessoas e redes sociais, numa proposta mais interativa com a comunidade.

Costurando esta ideia com o viés da educação patrimonial, a Casa do Museu juntou-se a esta proposta e com a colaboração de pessoas especiais, eis que nasce, o projeto Eu amo Arroio do Meio!” Trecho lido no cerimonial de lançamento do programa.

As fotografias publicadas em redes sociais com a #euamoarroiodomeio poderão ser publicadas na rede social do município e posteriormente o coração de cerâmica pode ser assinado e colocado na praça da cidade em um coração de ferro que vai fazer com que todos os corações de cerâmica fotografados fiquem expostos e sejam admirados por todos os visitantes.

Já no município de Estrela posso citar o programa Natal da Praça que acontece anualmente e que visa proporcionar de forma gratuita aos moradores shows e atividades gratuitas além da casinha do Papai Noel, onde o clima de natal toma conta das ruas e como diz a primeira dama, Carine Schwingel “a ideia é elevar a autoestima da população e elevar a satisfação em dizer que sou de Estrela e receber bem a todos os visitantes”. A decoração do município começa a ser elaborada no “barracão” onde voluntários se unem para a confecção de guirlandas, árvores e enfeites natalinos durante meses. E eis que o resultado pode ser agora apreciado em grande parte das ruas do centro e bairros da cidade.

Estes programas vão ao encontro do tema abordado “Eu amo, eu cuido, eu preservo e eu divulgo”, que se enquadra no assunto anteriormente abordado. Fica aqui a dica para apreciar a iluminação do Natal da Praça em Estrela e também de posar para fotografias em seu lugar predileto em Arroio do Meio.

Abraços e até a próxima!
Elisabete Lenhard – Gestora em Turismo – Faculdade La Salle.