Eventos Rural - Agricultura Colinas

Evento em Colinas celebra Dia do Colono e do Motorista

O dia cinzento não impediu o público de mais de 150 pessoas de participar do evento alusivo ao Dia do Colono e Motorista, realizado na última quinta-feira, dia 25 de julho, no salão comunitário da Linha Ano Bom Alto, em Colinas. Organizada pela prefeitura, Emater/RS-Ascar e Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR), com o apoio do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), a atividade contou com sorteio de brindes, destaques do Prêmio Verde e apresentações artísticas, brincadeiras rurais além de almoço típico, mostra de produtos da agricultura familiar e de artesanato.

Com o lema “O colono produz, o motorista transporta e ambos movem o País”, a extensionista da Emater/RS-Ascar, Lídia Dhein, ressaltou a importância de celebrar a data, que valoriza aqueles que tiram da terra o seu sustento e que encaram uma série de desafios diários. “Àqueles que enfrentam o sol, a chuva, o cansaço e as incertezas que movem o trabalho na agricultura, a nossa solidariedade e reconhecimento”, enfatizou. “O agricultor é aquele que trabalha em silêncio, com dignidade, buscando qualidade de vida e gerando emprego e renda”, prosseguiu.

Para a agricultora Márcia Lagemann, de Linha Ano Bom Alto, a data serve para celebrar, mas sem ignorar a necessidade de lutar pela garantia das políticas públicas que possibilitem a continuidade de seu trabalho. Como exemplo, ela cita as linhas de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). “Produzo suínos em creche e aves e isso demanda um grande investimento, que só é possível com este tipo de apoio”, garante. “E é essa segurança que os jovens precisam ter para que se sintam motivados, daqui pra frente”, pondera.

Prestes a concluir o projeto de uma agroindústria que produzirá compotas e geleias, a agricultora Lourdes Scharb, da localidade de Linha Leopoldina, concorda com Márcia. “A gente percebe que as pessoas estão cada vez mais ao lado da agricultura familiar e esse é um bom começo, já que se não há cultivo ninguém come, né?”, argumenta. De sua propriedade também saem alimentos orgânicos, como bergamota, laranja, morango, aipim, alface, cenoura e couve-flor, que são comercializados na feira local. “Mesmo em cenários mais complicados, a gente sempre espera superar as dificuldades”, comenta.

Além de agricultores, motoristas e representantes de entidades, o evento contou com a presença de diversas autoridades, como o prefeito de Colinas Sandro Hermann, o gerente adjunto da Emater/RS-Ascar, Carlos Lagemann, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR), Seno Messer e o secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Colinas, Marco Rohr. Lagemann ressaltou a importância do trabalho em parceria e dos investimentos nas várias esferas, na busca do desenvolvimento do setor primário.

Prêmio Verde

O sorteio do Prêmio Verde ocorreu durante o evento, atividade já tradicional no município. Foram contempladas 58 pessoas. Abaixo, a relação.

  • 1º prêmio – Rubem Boehm
  • 2º prêmio – Marli Röhsig
  • 3º prêmio – Eliane Röhsig
  • 4º prêmio – Anemari Lutz
  • 5º prêmio – Romeu Barrow
  • 6º prêmio – Silmar Lamping
  • 7º prêmio – César Dickel
  • 8º prêmio – Janete Decker
  • 9º prêmio – Ernani Müller
  • 10º prêmio – Avani Piva
  • 11º  prêmio – Erno Lenhardt
  • 12º prêmio – Leonice Freisleben
  • 13º prêmio – Cláudio Wathier
  • 14º prêmio – Noelena Henn
  • 15º prêmio – Simão Sulzbach
  • 16º prêmio – Janário de Castro
  • 17º prêmio – Wilson Imoff
  • 18º prêmio – Tatiane Sulzbah
  • 19º prêmio – Loni Fall
  • 20º prêmio – Doris Hubert
  • 21º prêmio – Irno Schröer
  • 22º prêmio – Maria C. Wanderer
  • 23º prêmio – Elmo Lagemann
  • 24º prêmio – Adelar Häfliger
  • 25º prêmio – Seno Messer
  • 26º prêmio – Breno Willrich
  • 27º prêmio –Daniel Übel
  • 28º prêmio – Techo Inhoff
  • 29º prêmio – Rosane Pott
  • 30º prêmio – Hugo Wanderer
  • 31º prêmio – Elidio Meyring
  • 32º prêmio – Ana M. Schneider
  • 33º prêmio – Ana Marlene Wathier
  • 34º prêmio – Nelson Goldmeier
  • 35º prêmio – Carla D. Wanderer
  • 36º prêmio – Irceo Kaplan
  • 37º prêmio – Armildo Bücker
  • 38º prêmio – Elmo Lagemann
  • 39º prêmio – Ilse Borghardt
  • 40º prêmio – Valdir Lenhardt
  • 41º prêmio – Lia Hafliger
  • 42º prêmio – Irio Brune
  • 43º prêmio – Aneli Dannebrock
  • 44º prêmio – Ernani Müller
  • 45º prêmio – Seno Saling
  • 46º prêmio – Sandra Mallmann
  • 47º prêmio – Aldino Weber
  • 48º prêmio – Erno Sand
  • 49ª prêmio – Lúcia Röhsig
  • 50º prêmio – Azenia Schardong
  • 51º prêmio – Olécio Mollmann
  • 52º prêmio – Rafael Horst
  • 53º prêmio – Gisela Schmökel
  • 54º prêmio – Romeu Schwarz
  • 55º prêmio – Araci H. Schulte
  • 56º prêmio – Klaus H. Redecker
  • 57º prêmio – Genir Tischer
  • 58º prêmio – Adriana B. Blau

 

Fonte: Ass. de Imprensa da Emater/RS-Ascar – Regional Lajeado

Fotos: Angelica Pott
Assessoria de Imprensa de Colinas