RS RSS Rural Marques de Souza

Evento em Marques de Souza formaliza entrega de viveiros para agricultores


Evento formalizou a entrega de 84 viveiros de solo para 53 agricultores dos municípios de Cruzeiro do Sul, Progresso, Santa Clara do Sul, Boqueirão do Leão, Roca Sales, Encantado e Teutônia e Marques de Souza (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) e a Emater/RS-Ascar realizaram na tarde da última sexta-feira (22) evento que formalizou a entrega de 84 viveiros de solo para 53 agricultores dos municípios de Cruzeiro do Sul, Progresso, Santa Clara do Sul, Boqueirão do Leão, Roca Sales, Encantado e Teutônia e Marques de Souza. O ato, acompanhado por diversas autoridades – entre elas a diretora administrativa da Emater/RS, Silvana Dalmás -, técnicos e produtores, foi realizado no salão comunitário de Picada Flor, em Marques de Souza, e na propriedade da agricultora Lisote Hoppe, da mesma localidade.

Parte do Programa RS Pesca e Aquicultura, a ação foi desenvolvida em todo o ano de 2017, contando com um investimento total de R$ 316 mil e mais de 1.250 horas-máquinas, obtidas por meio de convênio com o Governo do Estado, que disponibilizou o maquinário para a construção de cada viveiro. “A intenção por meio desse projeto foi a de estimular os agricultores para investir em uma alternativa a mais de renda, com qualidade de vida e respeito ao meio ambiente”, destaca o assistente técnico regional em Sistema de Produção Animal da Emater/RS-Ascar, João Sampaio.

A anfitriã da tarde valorizou a iniciativa e a possibilidade de receber mais de 70 pessoas em sua propriedade. Integrante de outra política pública do Estado – o Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar, operacionalizado pela Emater/RS-Ascar – Lisote espera, com os dois açudes recém-implantados por meio do projeto, ter peixes disponíveis para a comercialização já na próxima Semana Santa. “Certamente esta será uma segunda possibilidade de renda”, avalia o marido de Lisote, Valdecir, destacando a produção de silagem como o “carro-chefe” da propriedade.

Outro beneficiário, o produtor Éverton Gianesini, também comemorou o investimento, que possibilitou a construção de dois viveiros na propriedade que divide com a esposa Carla e o filho Bernardo, na localidade de São Luís, em Encantado. Bovinocultor de leite com 17 vacas em lactação, o agricultor espera utilizar os açudes não apenas para a produção de peixes, mas também para a irrigação das pastagens permanentes que está implantando no local. “São dois propósitos que representam um grande benefício”, comenta Gianesini, que pretende fazer um curso de criação de peixes, com vistas a ampliar os conhecimentos sobre o tema.

A tarde de atividades também contou com dois pequenos painéis. No primeiro, Sampaio apresentou dados a respeito da realidade da piscicultura nos 55 municípios dos vales do Caí e Taquari que integram o escritório regional de Lajeado – sendo 794 piscicultores, 1.203 viveiros e uma produção de 510 toneladas por ano. A seguir, o extensionista da Emater/RS-Ascar, Diego de Oliveira, trouxe informações a respeito da piscicultura em Marques de Souza. A tarde de ações foi finalizada com uma despesca na propriedade da família Hoppe, seguida de uma degustação com peixes.

Para a diretora administrativa da Emater/RS, Silvana Dalmás, o ato é simples, mas representa a concretização de uma política pública que visa ao fortalecimento da agricultura familiar. “E nós nos sentimos muito satisfeitos em ser parte da execução de projetos dessa envergadura, que certamente não seriam possíveis sem as parcerias”, comentou. Para Silvana, a despeito das dificuldades financeiras existentes no Estado, esse é o tipo de investimento que deve ser celebrado. “São recursos sendo aplicados, com ótima garantia de retorno”, avaliou, parabenizando os agricultores que se desafiaram para integrar a ação.

O evento contou ainda com a presença de outras lideranças, entre eles o prefeito de Marques de Souza, Edmilson Dörr, o coordenador regional da SDR, Atílio Puntel, o presidente do Consórcio Intermunicipal de Assuntos Estratégicos do G8 – grupo de municípios emancipados de Lajeado -, Paulo Joel Ferreira, o gerente regional da Emater/RS-Ascar, Marcelo Brandoli e o assessor regional da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag/RS), Nilo Schneider. Puntel ressaltou os investimentos do Estado no setor primário e a sua permanente busca por atender as demandas dos agricultores.

Texto: Ascom Emater/RS-Ascar – Regional de Lajeado