RS RSS Obras Forquetinha

Executivo registra superávit de R$ 897 mil

Entre as obras previstas para este ano está a colocação de telhado no Centro de Curta e Longa Permanência (Foto: Divulgação)
Entre as obras previstas para este ano está a colocação de telhado no Centro de Curta e Longa Permanência (Foto: Divulgação)

Diante da queda nos repasses federais e estaduais, o executivo de Forquetinha buscou adotar medidas de economia para garantir um equilíbrio financeiro.

Conforme o prefeito Paulo José Grunewald, os recursos arrecadados foram aplicados de forma eficiente, o que refletiu em melhorias para toda população. “Somos exemplo de gestão, de cuidado do dinheiro público. Esse trabalho diferenciado, realizado por nossa equipe, reflete em mais oportunidades e qualidade de vida. Aqui a política é diferente. Em vez de crise, falamos de trabalho”, destaca.
Enalteceu o apoio dos secretários e o empenho dos funcionários para alcançar um saldo positivo. “Nosso superávit é de R$ 897 mil. O valor deixado em caixa pelo ex-prefeito nem foi utilizado”, diz.

Para o vice-prefeito Renê Luis Becker a redução de despesas possibilitou investimentos na área de saúde com a contratação de mais profissionais, na agricultura, onde são mantidos mais de 40 programas de incentivo, nas obras e educação. “Foi um ano difícil, de fato, mas passamos pelos obstáculos e dificuldades graças à dedicação de todos”, acrescenta.

Projeção de obras

De acordo com o secretário da Administração e Fazenda, Roberto Luis Müller, durante o primeiro ano da atual gestão foram realizadas obras importantes, como a reforma na Escola Municipal de Ensino Fundamental João Batista de Mello, instalação de brinquedos e cerceamento da escola de educação Infantil Brincar Construindo, sinalização viária no centro, além da manutenção de todos os programas e incentivos nas secretarias.

Para este ano Müller projeta o inicio da construção de uma nova ponte sobre o Arroio Alegre, calçada até o parque de exposições, entre o centro e a comunidade de Bauereck, pavimentação de ruas, conclusão do acostamento na área central, perfuração de um poço artesiano e reformas na rede de água da área central, colocação de lâmpadas de Led na Avenida Martin Luther e Franz Richter e a retomada das obras no prédio do Centro de Curta e Longa Permanência Frohes Heim Catharina Richter. “Temos um planejamento estratégico para não comprometer a arrecadação e os serviços prestados à população. Isso a cidade um lugar melhor para trabalhar e viver”, observa.

Orçamento

Para 2018, a projeção é de arrecadar R$ 12 milhões. Deste montante, a Secretaria de Educação, Cultura, Turismo e Desporto receberá 25,13% (R$ 3.015.000,00); na Secretaria de Saúde, Habitação e de Assistência Social será aplicado 23,42% (R$ 2.810.000,00); a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente terá 15,25% (R$ 1.830.000,00); a Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano e Rural – 13,33% (R$ 1.600.000,00); a Secretaria de Administração e Fazenda -11,42% (R$ 1.370.000,00); a Secretaria de Planejamento, Indústria e Comércio – 3,79% (R$ 455 mil); Gabinete do Prefeito – 3,33% (R$ 400 mil); Câmara de Vereadores – 3,33% (R$ 400 mil) e Reserva de Contingência – 1% (R$ 120 mil).

Texto: Ascom Forquetinha