Candelária Coronavírus Eventos Destaques

Expocande é adiada para 2021

Expocande fica para 2021

Originalmente prevista para 30 de abril a 3 de maio, feira havia sido transferida para novembro. Comissão sugere a realização no próximo ano

Em todo o mundo, inúmeros eventos deixaram de ser realizados em 2020 em razão da pandemia do novo coronavírus. Nesta relação também está a 10ª Exposição Industrial, Comercial, Serviços e Agronegócios de Candelária (Expocande), inicialmente programada para o período de 30 de abril a 3 de maio e depois transferida para os dias 5 a 8 de novembro. A comissão organizadora se reuniu na última quarta-feira, 29, e, diante das previsões de prolongamento das medidas de distanciamento social, pelo menos até o final do ano, decidiu mais uma vez adiar a realização. Assim, a Expocande sai de vez do calendário de eventos de 2020 e é projetada para o próximo ano. A comissão agendou a feira para o período entre 29 de abril a 2 de maio de 2021.

A comissão organizadora da Expocande é formada por dirigentes da Associação Cultural de Candelária Erico Verissimo (Accev) e da Associação do Comércio e Indústria de Candelária (Acic) e por representantes da Prefeitura. O presidente da feira, Jorge Mallmann, destaca a importância da Expocande para divulgar as riquezas e também para mostrar a força econômica do município. Neste sentido, registra que a 10ª edição da feira conta com projetos de incentivo cultural aprovados, tanto na esfera estadual como na federal, garantindo, assim, boas perspectivas de patrocínios, alguns já confirmados. Também há, conforme acrescenta, cotas de patrocínio direto já captadas. Além disso, a comercialização dos diferentes espaços da feira já tinha superado o montante de 90%. “Tudo isso nos dá a certeza do sucesso do evento que é a vitrine maior de Candelária”, enfatiza.

O presidente da feira ainda assinala que os preparativos para a realização exigiram a antecipação de alguns contratos, incluindo assessorias técnicas. A realização em 2021 irá permitir, segundo salientou, não perder os patrocínios firmados e também honrar os compromissos assumidos. Além disso, argumenta que um intervalo maior da Expocande iria repercutir negativamente no crescimento da feira experimentado a cada edição. Por fim, Mallmann mostra convicção no pleno êxito da feira no próximo ano pelo prolongado distanciamento social. “Uma feira para deixar para trás as dificuldades e angústias trazidas pelo coronavírus, renovar as esperanças e reabrir as perspectivas de negócios”, afirmou, projetando uma grande comemoração coletiva pelo fim da pandemia. Para mais informações sobre  exposição e patrocínios, os interessados podem entrar em contato com a Lume Eventos pelos fones (51) 3751-2000 ou (51) 99843-0102

 

 

Crédito fotos: Frederico Sehn

Assessoria de Imprensa