RSS Eventos Estrela

Exposição “Carinhoso” vai homenagear Pixinguinha

Um dos maiores clássicos da música popular brasileira completou seu centenário neste ano. Escrito em 1917, “Carinhoso” é o tema da exposição que está sendo organizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Estrela, e que estará aberta à visitação de 29 de maio a 12 de junho. A mostra homenageia seu autor, o arranjador, instrumentista e compositor Alfredo da Rocha Viana – Pixinguinha – que completaria 120 anos no último dia 23 de abril.

Grande nome do “choro” brasileiro, Pixinguinha nasceu em 1897, no Rio de Janeiro. Era filho do músico Alfredo da Rocha Vianna, funcionário dos correios, flautista e que possuía uma grande coleção de partituras de choros antigos. Aprendeu música em casa, fazendo parte de uma família com vários irmãos músicos. Quando compôs “Carinhoso”, entre 1916 e 1917, e “Lamentos” em 1928, que são considerados alguns dos choros mais famosos, ele foi criticado e essas composições foram consideradas como tendo uma inaceitável influência do jazz. Além disso, “Carinhoso”, na época, não foi considerado choro, e sim uma polca. Outras composições, entre centenas, são “Rosa”, “Vou vivendo”, “Lamentos”, “1 x 0”, “Naquele tempo” e “Sofres porque Queres”.

“É uma maneira de homenagear um dos clássicos da música brasileira e um resgate cultural”, diz a historiadora da Secultur, Letícia Oliveira de Oliveira, responsável pela organização. Segundo ela, além da exposição, em alguns dias, durante o período de visitação, haverá apresentações musicais com professores do Núcleo Cultural de Estrela.

Texto: Ascom Estrela