RS Educação RSS Cruzeiro do Sul

Fechamento da Escola 22 de Novembro volta à discussão

Na próxima quarta-feira será definido o futuro da escola (Foto: Marcio Steiner)
Na próxima quarta-feira será definido o futuro da escola (Foto: Marcio Steiner)

O fechamento da Escola Municipal de Ensino Fundamental 22 de Novembro, da localidade de mesmo nome, em Cruzeiro do Sul, voltou a discussão na noite de segunda-feira, dia 18 de dezembro.

O prefeito Lairton Hauschild, a secretária da Educação, Cultura e Esportes, Anelise Assmann, vereadores e membros da comunidade debateram a decisão que havia sido tomada por pais de alunos, em reunião anterior ocorrida no dia 5 de dezembro.

Alguns membros da comunidade mostraram descontentamento com a ideia de fechar o educandário, preocupando-se principalmente com o enfraquecimento da prórpia comunidade e com o transporte dos alunos, em especial os menores, até a Escola São Felipe, de Linha Sítio, para onde os estudantes devem ser realocados. Durante a reunião foi criada uma comissão composta por membros da comunidade. Estes farão visitas às famílias dos alunos para discutir o assunto. Após, no dia 27 de dezembro, quarta-feira, o tema será novamente colocado em pauta, em nova e decisiva reunião. “Na ocasião será definido o real futuro da Escola”, destaca a secretária.

Anelise disse entender a posição de alguns pais e da comunidade. “Tanto que nossa proposta inicial não era de fechar o educandário. Isso partiu da maioria dos pais e assim acatamos. A ideia do município seria levar para a Escola São Felipe os estudantes de 4º e 5º anos, mantendo na 22 de Novembro os alunos de Jardim, Pré, 1º, 2º e 3º anos. Estes ficariam ao encargo de um professor e um funcionário, em apenas um turno”, frisa a secretária.

Texto: Ascom Cruzeiro do Sul