RS Encantado RSS Rural - Agricultura

Fruticultura é tema de tarde de campo em Encantado

Evento ocorreu em Linha Auxiliadora (Foto: Divulgação)

Discutir temas relacionados à Fruticultura foi o objetivo de uma tarde de campo realizada na última quinta-feira (21), na propriedade do agricultor Santo Sfoglia, da localidade de Linha Auxiliadora, em Encantado. Organizada pela Emater/RS-Ascar, com o apoio do Núcleo de Estudos em Agroeologia e Produção Orgânica do Vale do Taquari (NEA/VT), a atividade é parte das ações previstas pelo Plano Socioassistencial do município e envolve também produtores que integram o Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar (PGSAF), da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) do Governo do Estado.

Na ocasião, o assistente técnico regional da Emater/RS-Ascar em Sistema de Produção Vegetal, Derli Paulo Bonine, apresentou os modos de preparo das caldas bordalesa e sulfocálcica – muito utilizadas no manejo agroecológico para o controle de doenças. A seguir, foram apresentadas alternativas para o controle da mosca das frutas, como a adoção de armadilhas contendo diferentes atrativos, ensacamento de frutos, entre outros. “A nossa intenção é mostrar essas tecnologias de fácil aplicação e que podem ser disseminadas entre os agricultores”, enfatizou.

Para o anfitrião da tarde, atividades do tipo são essenciais para que os agricultores possam “se reinventar”. “Não adianta a gente ficar parado, achando que as coisas vão acontecer automaticamente”, avalia. Em seu relato, orgulha-se de ter participado, há quase 50 anos de um curso de educação rural que foi fundamental para que ele aprendesse sobre as “lidas do campo”. Em sua propriedade, possui mais de 60 variedade de frutas – de bergamotas e laranjas a guabiju e cereja – resultado de um investimento feito por meio do projeto Quintais Orgânicos da Embrapa Clima Temperado.

Além do consumo da família, as variedades de frutas, que permitem ter produção durante o ano inteiro, também são comercializadas por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), do Governo Federal, que destina parte da produção de forma regular para entidades em vulnerabilidade social. Em Encantado, de acordo com a extenionista Social, Tatiane Turatti, também está sendo implantado um Organismo de Controle Social (OCS). Com o nome de Encantos da Terra, o coletivo integrado por agricultores de Encantado e de Muçum comercializará produtos livres de agroquímicos.

Texto: Ascom Emater/RS-Ascar – Regional de Lajeado