Arroio do Meio RSS Rural - Agricultura Destaques

Governador do Piauí é o primeiro do país a conhecer projeto com robôs da Dália Alimentos

Dias conheceu instalações do condomínio robotizado em Arroio do Meio (Foto: Carina Marques)
Dias conheceu instalações do condomínio robotizado em Arroio do Meio (Foto: Carina Marques)

O governador do Piauí, Wellington Dias, foi o primeiro governador brasileiro a conhecer o Projeto Associativo de Produção Leiteira com Ordenha Robotizada da Dália Alimentos. O modelo pioneiro de produção de leite, que utiliza robôs e une pequenos produtores em um único empreendimento, foi o que motivou o chefe do Executivo piauiense a se deslocar do Nordeste para o Sul do país na quarta-feira, dia 14 de dezembro.

Dias quer impulsionar o setor leiteiro piauiense e, para isso, pretende importar o modelo Dália para o seu estado. “A Dália é revolucionária e este é um projeto embrião para o mundo. Quero este modelo, esta experiência em nosso Estado.” De acordo com o gestor público, o objetivo é diversificar a produção primária, saindo da monocultura, elevando e qualificando o volume de leite produzido. “Como os pequenos produtores se manterão? A resposta está neste incrível projeto da Dália”, indagou e elogiou.

Responsáveis por apresentar à cooperativa e o projeto ao líder de Estado, o presidente Executivo, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas; e o presidente do Conselho de Administração, Gilberto Antônio Piccinini; detalharam a gestão adotada pela Dália, apresentaram o mapa de atuação e os projetos desenvolvidos, com enfoque para a ordenha robotizada e também para a Escola do Leite. Freitas enfatizou que o objetivo está na racionalização de custos e na eficiência da produção. “Buscamos o que há de mais moderno e tecnológico no mundo, com foco no futuro e na permanência do produtor no meio rural.”

De acordo com Dias, o Piauí possui potencial de desenvolvimento no setor primário, possuindo câmaras setoriais de 26 arranjos produtivos. “Temos a certeza de que este é um modelo aplicável à nossa realidade. Se é bom para o Rio Grande do Sul, também será eficiente para o Piauí”, ressaltou, convidando a direção da cooperativa a realizar uma visita até o Piauí para verificar a possibilidade de coordenar e/ou participar de projeto semelhante.

Piccinini complementou: “você é o primeiro governador a visualizar nossos projetos com um olhar diferenciado. Com certeza agendaremos uma viagem até o Piauí para estreitar as relações e ver a possibilidade de uma possível parceria”, disse Piccinini, reforçando que a Dália, com este projeto, prioriza a inovação. “Este projeto se adapta à realidade de qualquer parte do mundo, haja vista a dificuldade de manter o jovem na atividade agrícola.”

Visita ao condomínio
O projeto que utiliza robôs na realização da ordenha das vacas é realidade em três municípios – Nova Bréscia, Roca Sales e Arroio do Meio. Um último, em Candelária, tem previsão para ser inaugurado no primeiro trimestre de 2017. Com aporte financeiro da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), cada unidade recebeu investimento de R$ 5 milhões.

Em visita ao condomínio de Arroio do Meio, o governador presenciou, na prática, o funcionamento do projeto que tem 13 famílias associadas e produz, diariamente, em torno de três mil litros de leite. Foi recepcionado pelo presidente do condomínio, Eloir Lohmann; pelo conselheiro da região de Arroio do Meio, Rubino Rahmeier; pelo prefeito Sidnei Eckert; e pelo vice Áureo Scherer.

O gerente da Divisão Produção Agropecuária (DPA), Igor Weingartner; o supervisor do Setor de Gado Leiteiro, Fernando Oliveira de Araújo; e o técnico responsável pela Nutrição, Paulo Roman, além dos funcionários da granja, também acompanharam e direcionaram a visita. Dias conheceu o processo de ordenha e visitou todas as instalações da granja localizada na comunidade de Passo do Corvo. “O que nos trouxe até aqui foi este modelo positivo. Estamos impressionados.”

A Dália Alimentos está presente em 130 municípios. Possui 4,4 mil famílias associadas e 2,3 mil funcionários. Diariamente, industrializa um milhão de litros de leite e abate 2,5 mil suínos.

Texto: Ascom Dália Alimentos