Educação RSS Destaques Imigrante

Imigrantense recebe medalha de ouro na OBMEP

vinicius_medalha_ouro-foto-_de_luise_tombini
Vinícius Ritter Pozzebon tem 13 anos (Foto: Luise Tombini)

Vinícius Ritter Pozzebon recebeu medalha de ouro na 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas – OBMEP 2015. A cerimônia de premiação foi realizada no dia 07 de novembro, no Centro de Convenções do Hotel Windsor Barra, no Rio de Janeiro. O estudante de Imigrante foi o único do Vale do Taquari que recebeu a premiação.

Pozzebon tem treze anos de idade e é aluno do oitavo ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal de Ensino Fundamental Arco-Íris, localizada no Centro de Imigrante. Em 2015, quando realizou a OBMEP na qual se destacou, estava no sétimo ano, e a prova aplicada foi a de nível I.

Na solenidade de premiação nacional estiveram presentes o Ministro de Estado da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, o Ministro de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovações, e Comunicações Gilberto Kassab, e o Diretor do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada, Marcelo Viana.

Todos os medalhistas de ouro tiveram todas as despesas de viagem e hospedagem custeadas. Como prêmio, os medalhistas receberam uma bolsa do Programa de Iniciação Científica Júnior – PIC, e R$100 por mês durante um ano. Além da cerimônia, ocorreram palestras, apresentações de dança e teatro. Os estudantes também tiveram um espaço de jogos, onde puderam interagir com todos os premiados do país.

Quando recebeu a medalha, Vinícius diz ter se sentido muito contente pelo seu esforço ter dado resultados. Citou que a conquista lhe proporcionou andar de avião pela primeira vez e que na interação com os demais, foi interessante ouvir os diferentes sotaques dos alunos de outras regiões.

O garoto que pretende estudar Engenharia Civil incentiva os colegas a se dedicarem pelos seus objetivos. “Se eles quiserem viajar, por exemplo, devem se dedicar aos máximo pois existem várias oportunidades oferecidas, como a OBMEP e a olimpíada de português, no qual há boas premiações”, ressalta ele.

Texto: Portal Região dos Vales/Ascom Imigrante