RSS Obras Westfália

Iniciada a execução do projeto de calçadas de passeio na Avenida Henrique Uebel

Implantação do projeto objetiva oferecer mais segurança aos pedestres_PDV
Estão sendo colocados blocos de concreto intertravados (Foto: Paloma Driemeyer Valandro)

Iniciado na semana passada, o projeto de calçadas de passeio da Avenida Henrique Uebel, no Centro de Westfália, vai garantir mais segurança aos pedestres. A proposta, elaborada pelo Setor de Arquitetura e Engenharia, consiste em calçar a via dos dois lados, colocando calçadas onde não há e reformando aquelas que apresentam algum perigo à locomoção de pedestres.

O projeto de execução de calçadas de passeio com blocos de concreto intertravados compreende o trecho entre a residência de Sônia Dörr e a moradia de Nelson Von Mühlen, representando uma área total de 1.486,71m². A obra, licitada em R$ 97.492,90, está sendo executada pela empresa LED Construtora e Urbanizadora Ltda.

Nas proximidades do Salão de Beleza Marisa, nesta semana servidores da Secretaria de Obras, Viação e Interior já trabalharam na construção de um muro de contenção da margem do Arroio Vila Schmidt, para possibilitar que a calçada de passeio seja instalada no local. Além de implementar o calçamento onde não há, o projeto consiste em melhorar aquelas que apresentem riscos aos pedestres. Nos locais onde a calçada apresenta boas condições de caminhada, não será mexido.

Conforme o prefeito Otávio Landmeier, a obra é importante para oferecer mais segurança à população westfaliana. “Além disso, como a Avenida Henrique Uebel é nossa principal via, nosso Município ficará com uma aparência ainda mais bonita para receber visitantes e turistas”, salienta.

Com o tempo, segundo Landmeier, a intenção é expandir este projeto para outras ruas do Município. “Vamos por etapas. Não dá para fazer tudo de uma só vez. Mas, sem dúvidas, queremos expandir esse projeto para outras ruas também, com o intuito de embelezar Westfália e garantir a segurança da nossa população”, enaltece o prefeito.

Parceria entre poder público e moradores
O custeio do projeto de calçadas de passeio da Avenida Henrique Uebel se dará em forma de contribuição de melhoria, onde moradores participam com 50% do valor da obra e os outros 50% serão suportados pelos cofres públicos municipais. Entretanto, apenas proprietários de terrenos onde não há calçamento terão que arcar com a metade do valor referente à metragem voltada à via. Nos locais onde são necessários apenas alguns reparos, não haverá cobrança.

Texto: Ascom Westfália