Serviços RS Obras Os Vales em Notícia Estrela

Linha São Luís fará uso de novo poço artesiano

Negociação de cedência junto a Corsan teve êxito. Poço de 2,5 mil litros de vasão/hora beneficiará centenas de moradores e agricultores

Um encontro no gabinete do prefeito Rafael Mallmann selou, nesta quarta-feira (18), a cedência de um poço artesiano da estatal, localizado em Santa Rita, para a Sociedade de Água de Linha São Luís, que pertence à Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan). A negociação durou mais de dois anos. A cedência é por tempo indeterminado, ou até que a estatal faça o pedido de reintegração do poço, que até então estava desativado.

Além do prefeito, participaram da reunião o secretário do Planejamento e Desenvolvimento Econômico (Seplade), Paulo Finck, e o vereador Márcio Mallmann, que conduziram as negociações e haviam protocolado o pedido junto ao superintendente de Relações Institucionais da Corsan, André Finamor; e ainda o presidente da sociedade, Enio Anibaldo Schneider, e o tesoureiro Ilidio José Schneider,

Assinatura da cedência do poço ocorreu na manhã desta quarta-feira.

Para o presidente da Sociedade de Água de Linha São Luís, trata-se de uma grande conquista para a comunidade. “Temos hoje dois poços. Agora com esse terceiro, com mais de 2,5 mil litros de capacidade de vasão/hora, vamos beneficiar a muitos moradores e produtores”, destaca. O tesoureiro Ilidio Schneider confirma. “Dará mais vasão, mais pressão, e nosso loteamento está crescendo. Era necessário.”

Segundo o vereador Mallmann, será também uma questão de segurança quanto ao abastecimento de energia. “Como ele é de outra rede, anterior e diferente aos outros dois poços, isso nos dá uma certa garantia de que, quando há queda de energia por um dos lados, o outro garanta o abastecimento. Mas acima de tudo devemos destacar o papel social que estas lideranças do interior, como é o caso da Associação de Água da São Luís, fazem por suas comunidades”, frisa. O secretário Paulo Finck reforça a necessidade de atender a demanda local, que está em franco desenvolvimento. “É uma área que está em expansão e por isso havia esta necessidade. Que bom que obtivemos sucesso e centenas de pessoas saiam beneficiadas desde então”, diz.

Texto: Rodrigo Angeli
Foto: André da Silva/Prefeitura de Estrela