Solidariedade Habitação Estrela

Município concede aluguel social a 19 famílias em razão da enchente

Conselho de Habitação se reuniu na segunda-feira e aprovou novos pedidos de aluguel social

Maioria era moradora da Rua dos Marinheiros, em Moinhos, que teve as casas interditadas por ameaça de desabarem 

O Governo de Estrela vai conceder aluguel social a 19 famílias que tiveram suas residências interditadas pela Coordenadoria de Defesa Civil em razão da enchente que ocorreu no início de julho. Estes foram os pedidos aprovados até o início da semana. O aluguel social é um recurso assistencial mensal destinado a atender, em caráter de urgência, famílias que se encontram sem moradia. É um subsídio concedido por período de tempo determinado, inicialmente de seis meses, mas que pode ser prorrogado por até dois anos. As beneficiadas recebem uma quantia equivalente ao custo de um aluguel popular.
De acordo com a coordenadora do Departamento de Habitação da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth), Daiana Ávila, grande parte dos contemplados com o auxílio eram moradores da Rua dos Marinheiros, no Bairro Moinhos, cujas casas ameaçavam desabar e agora estão sendo demolidas. O aluguel social, segundo ela, é pago com recursos do próprio município e a realocação é feita em áreas que não sejam alagáveis ou de risco.
Depois de encaminhado o pedido na Sedesth, conforme Daiana, é feita uma avaliação socioeconômica por assistente social da secretaria e a aprovação final se dá pelo Conselho Municipal da Habitação, depois de apresentada toda a documentação exigida, sem a qual o processo não pode seguir.
O Conselho é formado por quatro membros representantes do Poder Executivo (secretarias municipais do Desenvolvimento Social; Administração e Recursos Humanos, Obras e Fazenda) e quatro da sociedade civil e dos movimentos sociais (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura; Câmara de Comércio, Indústria e Serviços – Cacis; União das Associações de Moradores de Estrela – Uame; e Sindicato dos Trabalhadores Rurais). Na tarde desta segunda-feira (03.08) houve uma reunião extraordinária, quando novas demandas na área da habitação foram analisadas pelos representantes dos órgãos e entidades, sendo aprovada a concessão de mais três aluguéis sociais.
Texto e foto: Paulo Ricardo Schneider
Assessoria de Imprensa Prefeitura de Estrela