Turismo Vale do Taquari Destaques

Nova edição dos passeios do Trem dos Vales é confirmada

Novidade é a ampliação das datas dos passeios

Novembro e dezembro de 2021 e janeiro de 2022, este é o período em que o “Trem dos Vales” volta a circular pelo Vale do Taquari.

Os passeios e as respectivas datas foram confirmados no evento de lançamento do Projeto, que aconteceu na tarde desta sexta-feira (02), na Vinícola Gheller, em Guaporé e contou com a presença da imprensa, autoridades e representantes da Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales), Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), Rumo Logística, além de representantes dos municípios de Colinas, Dois Lajeados, Estrela, Guaporé, Muçum, Roca Sales e Vespasiano Corrêa. O Secretário de Turismo do Estado, Ronaldo Santini, também esteve presente.

Autoridades reunidas para o lançamento do Trem dos Vales 2021

O projeto “Trem dos Vales” chega à sua terceira edição trazendo novidades. Ao projetar um número maior de passeios, a organização espera que o número de turistas também aumente. A expectativa é realizar 52 passeios pela Ferrovia do Trigo, com a possibilidade de transportar mais de 20 mil turistas. Nesta edição, os passeios acontecem  entre Muçum e Guaporé, passando por Vespasiano Corrêa.

Datas

  • 06, 07, 13, 14, 15, 19, 20, 21, 27 e 28 de novembro de 2021;
  • 04, 05, 11, 12, 17, 18, 19, 22, 26, 28, 29 e 30 de dezembro de 2021;
  • 02, 07, 08 e 09 de janeiro de 2022;

O trajeto apresenta aos turistas 21 túneis e 17 viadutos, entre eles, o V-13, considerado o maior da América do Sul, com 143 metros de altura e 509 metros de extensão, em Vespasiano Corrêa. O trajeto tem 46 quilômetros e a duração do percurso é de 2 horas e 30 minutos.

Relembre as edições anteriores

Em 2018, quando foram realizados os primeiros passeios, como um evento-teste, as viagens foram restritas a convidados e imprensa.

Já em 2019, com os passeios abertos ao público, entre os meses de agosto e setembro, foram realizados oito passeios entre Muçum e Guaporé, reunindo mais de 5 mil pessoas.

Em 2020, na segunda edição do projeto, devido às restrições impostas pela pandemia, houve apenas 50% de ocupação nos vagões e foram registradas quase 8 mil pessoas nas 12 viagens entre Colinas e Roca Sales e os 22 passeios entre Muçum e Guaporé.

Histórico

O Trem dos Vales é uma iniciativa planejada há mais de 20 anos e que saiu do papel em 2018.

Conforme o coordenador do Trem dos Vales, Rafael Fontana, o projeto vem, a cada ano, consolidando-se como um atrativo turístico para a região. Um indicativo da movimentação que o projeto traz para a região é o volume de turistas que vêm de fora. Das mais de 5 mil pessoas que participaram dos passeios em 2019, 60% eram de outras regiões do Estado e país. “Isso demonstra o potencial que o trem tem como integração do Vale. Ele atrai visitantes para a região que aproveitam para desfrutar dos nossos serviços turísticos. Ou seja, ao mesmo tempo que fazem passeios de trem, eles também vão a restaurantes, pousadas, parques, cafés”, destaca.

O projeto é uma iniciativa da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), em parceria com a Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales), com o apoio e cooperação da Rumo Logística.