Brasil Destaques Geral RSS

Nova modalidade de tarifa de energia entra em janeiro; consumidor terá opção de escolha

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A partir de 1º de janeiro de 2018, entrará em vigor uma nova modalidade de tarifa para pagamento de energia elétrica. Entrará em vigor a chamada tarifa branca que será oferecida por distribuidoras de energia de todo país. O consumidor poderá optar pela adesão à tarifa e a distribuidora precisa trocar o medidor.

A nova modalidade de tarifa deve baratear a conta para quem consumir energia fora dos horários de pico. Inicialmente, a tarifa só estará disponível para quem consome acima de 500 kWh por mês. Em 2019, para quem consome menos que isso e, em 2020, para todos os consumidores.

Faixas de valor nos dias úteis:

– O período mais caro vai das 18h às 21h;

– O intermediário vai das 17h até às 18h e das 21h às 22h;

– Fora dessas faixas, a energia terá um preço menor; e

– Nos feriados e finais de semana, a energia será mais barata em qualquer horário.

As distribuidoras de energia estão preocupadas com a nova modalidade. Afirmam que poderão ter prejuízo já que serão obrigadas a oferecer energia mais barata a partir das 22h até às 17h. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), os consumidores que poderiam migrar para a tarifa branca representam apenas 5% do mercado das distribuidoras e que o objetivo da nova tarifa é racionalizar o consumo.

Texto: Ascom com informações do G1