Venâncio Aires RS Turismo

Novos mirantes devem ser construídos no município

Comunidade pode indicar local para a construção de novos mirantes (Foto: Divulgação)
Comunidade pode indicar local para a construção de novos mirantes (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de fomentar ainda mais o turismo rural na Capital do Chimarrão, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Turismo de Venâncio Aires, pretende neste ano instalar mais alguns mirantes no interior. conforme a coordenadora da pasta, Angélica Diefenthaler, novos mirantes podem ser construídos no município e com isso incentivar a comunidade no entorno das construções a investirem em estruturas que facilitem para o visitante a aquisição de produtos da região. A última construção foi do mirante Lauro Erdmann, em Vila Deodoro.

Angélica afirma que o crescimento do turismo rural e sucesso do primeiro espaço na cidade motiva os demais empreendedores rurais. “Hoje um visitante ou turista não quer só conhecer o ponto turístico e tirar algumas fotos, ele quer levar pra casa produtos da região, seja artesanato ou produtos coloniais. Ele quer sentar-se a sombra, tomar um chimarrão, fazer um lanche, vivenciar alguma experiência diferente, e isso a comunidade e empreendedores privados precisam se mobilizar para ofertar a quem vem até aqui”, completou.

A secretaria analisa novos locais para estas construções, e para isso conta com a participação da comunidade, apesar de já conhecer alguns pontos com possível potencialidade para tal investimento. Porém, outros podem passar despercebidos então a comunidade é convidada a sugerir os possíveis locais que serão avaliados pela administração. Sugestões podem ser enviadas através do telefone (51) 3983-100 ou ainda pelo e-mail smdet@venancioaires.rs.gov.br.

Mirantes Naturais

Além do mirante de Vila Deodoro, a Capital do Chimarrão possui alguns “mirantes naturais”, que estão agrupados no projeto “Mirantes do Mate” com o mirante da Fé (entre as igrejas de Vila Deodoro), o mirante da Imigração (monumento da imigração em centro, Linha Brasil) e o mirante da Paz (cemitério Linha Marechal Floriano).

Texto: Ascom Venâncio Aires