Artigos - Educação

Os 7 maiores erros que cometemos por falta de educação financeira – por Luciano Fontana

A educação financeira é muito mais do que uma atitude ou uma planejamento financeiro (Foto: Divulgação)

A educação financeira é muito mais do que uma atitude ou uma planejamento financeiro, é uma combinação de ações para cortar gastos, investir, acumular riqueza e multiplicar ganhos.

Ao tornar essa combinação de ações um hábito, você estará formando o seu patrimônio sólido.

Mesmo sem saber, você pode estar cometendo alguns erros em relação à educação financeira.

Pensando nisso, separamos os sete maiores erros que são cometidos por falta de educação financeira.

Comprar parcelado preocupando-se somente com o valor da parcela

Um dos erros mais comuns quando compramos de forma parcelada é observarmos apenas se o valor da parcela cabe no nosso orçamento mensal, sem sabermos a quantidade de juros que estaremos pagando até o final.

Para sabermos realmente se o negócio é bom para ambas as partes, calcule o valor da parcela vezes a quantidade de parcelas que terá que pagar. Dessa forma, saberá qual valor de juros estará pagando, e se é a melhor forma de adquirir o produto ou serviço.

Importante: programe o valor da parcela em seu orçamento. Não atrase o pagamento, pois acarreta juros e multa. Não faça uma nova compra sem ter a certeza que irá honrar todos seus compromissos mensais. Não comprometa seu orçamento mensal.

Não pesquisar preços

Antes de fazer uma compra que envolva uma certa quantia, faça uma pesquisa de preços. Procure sempre pesquisar de duas a três opções para comparar valores. Se for comprar na internet, calcule o valor do frete junto com o preço do produto para saber se realmente vale a pena.

Gastar demais sem ter um objetivo definido

Outro erro comum que cometemos por não sabermos o que queremos. Quando não estabeleço prioridades e objetivos fico sem nada para me guiar. Pergunte-se: o que você quer para sua vida? O que você quer alcançar? Quais são seus sonhos e como pode atingi-los?

Não saber a hora de fazer cortes no orçamento

Quando não temos o hábito de controlar nosso dinheiro, tanto as despesas como as receitas, fica difícil de saber que cortes fazer e o melhor momento para isso. Portanto, revise sempre seus gastos. Você irá perceber que consegue fazer a maioria das coisas gastando menos, basta mudar a forma.

Se você saía para jantar todo fim de semana, comece a fazer jantares em casa. Se você ia de carro para o trabalho, use a bicicleta que está escondida na garagem ou vá a pé. Diminua seu plano de internet, celular, TV por assinatura. Tome essas atitudes até que você consiga organizar novamente seu orçamento.

Não ter uma ferramenta de controle financeiro

Não ter controle financeiro do seu dinheiro é um dos piores erros cometidos. Existem várias ferramentas gratuitas de controle financeiro, desde planilhas no Excel a aplicativos para celular.

A ferramenta de controle financeiro nos dá a possibilidade de analisarmos o quanto ganhamos, nossas receitas, e para onde estão indo os valores, nossas despesas. Para mim dos 7 erros este é o mais grave.

Ir ao supermercado sem uma lista definida em casa

Na maioria das vezes, quando vamos ao supermercado sem uma lista definida, acabamos comprando e gastando muito mais do que realmente precisávamos. Lembra do problema de não ter metas e objetivos definidos? Funciona da mesma forma nessa situação.

Desperdiçar

Evite o desperdício sempre. Desperdiçar quer dizer que você está colocando seu dinheiro no lixo. Reaproveite o que você já tem. Planeje e pense  se o que você está querendo comprar é apenas um desejo passageiro ou uma real necessidade. Nesse caso, menos é mais.

Esses são alguns erros que podemos cometer por falta de informação. Esperamos que você tenha gostado. Participe também da nossa pesquisa sobre Educação Financeira clicando aqui.

Luciano Fontana é empresário e fundador da Lume Centro de Educação Profissional. Apaixonado por educação e finanças tem como objetivo ajudar as pessoas na transformação da sua vida financeira.