Saúde Região RSS Destaques

Pesquisa com extratos vegetais avalia aplicação contra o câncer

pesquisa_ppgbiotec
Estudo investiga e avalia o potencial citotóxico, anti-inflamatório e anticancerígeno de extratos vegetais de plantas tradicionalmente utilizadas na cultura popular (Foto: Divulgação)

Buscando ampliar os conhecimentos acerca de doenças humanas, animais e o desenvolvimento de tecnologias para auxílio ao seu diagnóstico e tratamento, o Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec) da Univates desenvolve duas linhas de pesquisa voltadas à área de concentração em Biotecnologia em Saúde: Detecção e caracterização de micro-organismos e Aspectos moleculares em processos fisiopatológicos. É desta última que faz parte a pesquisa “Potencial anti-inflamatório e antitumoral in vitro de extratos de planta medicinal nativa do Vale do Taquari”, conduzida pela bolsista de pós-doutorado e professora colaboradora do PPGBiotec, doutora Shanna Bitencourt.

O objetivo do estudo é investigar e avaliar o potencial citotóxico, anti-inflamatório e anticancerígeno de extratos vegetais de plantas tradicionalmente utilizadas na cultura popular que possam atuar na ativação ou inibição de vias de sinalização específicas envolvidas no câncer. Conforme Shanna, de maneira geral, os medicamentos oriundos de produtos naturais possuem maior segurança terapêutica, baixo custo e menor risco à saúde do que suas versões sintéticas. “Algumas plantas nativas do Vale do Taquari são popularmente utilizadas para o tratamento de diversas doenças, porém não há estudos científicos que comprovem a eficácia delas, e é nisso que estamos trabalhando”, explica ela. A pesquisadora acrescenta ainda que uma das linhas de análise é desenvolvida justamente para descobrir se extratos vegetais podem ser tóxicos ao organismo sadio ou apenas a células doentes.

“Testamos os extratos em células saudáveis para verificarmos qual a resposta delas. Se eles não apresentarem toxicidade, testamos sua seletividade em relação a células doentes. Já obtivemos bons resultados, com alguns casos em que o extrato vegetal conseguiu inibir seletivamente o crescimento das células doentes”, afirma Shanna.
A pesquisa integra o projeto “Efeito anti-inflamatório e anticarcinogênico de extratos vegetais em cultura celular”, coordenado pela professora doutora Márcia Goettert. Saiba mais sobre esse estudo aqui ou no site www.univates.br/ppgbiotec.

Apresentação em eventos
Resultados da pesquisa “Potencial anti-inflamatório e antitumoral in vitro de extratos de planta medicinal nativa do Vale do Taquari” serão apresentados no VIII Simpósio Ibero-americano de Plantas Medicinais e no III Simpósio Ibero-americano de Investigação em Câncer, que ocorrerão concomitantemente em Itajaí/SC, dos dias 24 a 27 de outubro de 2016, além do XII Congresso Mundial de Farmacêuticos de Língua Portuguesa, V Simpósio de Plantas Medicinais e Fitoterápicos no Sistema Público de Saúde, Congresso Internacional de Fitoterapia, I Congresso Brasileiro de Farmácia Estética e I Simpósio Farmacêutico de Nutracêuticos, que ocorrem concomitantemente de 8 a 10 de novembro de 2016, em Gramado/RS.

Saiba mais
A biodiversidade brasileira é um importante atrativo e fonte para a descoberta de produtos naturais, ou mesmo de biomoléculas derivadas, com potencial para serem aplicados no tratamento de inúmeras doenças e para o desenvolvimento de novos medicamentos, naturais ou sintéticos. Hoje, mais de 50% de todas as drogas com uso clínico do mercado são oriundas de produtos naturais, sendo 25% delas de origem vegetal. Exemplos são os fitoterápicos, ou medicamentos que usam apenas plantas medicinais ou seus derivados como matéria-prima, que já são amplamente utilizados para o tratamento e profilaxia de inúmeras doenças.

Inscrições abertas
Estão abertas, até o dia 12 de novembro, as inscrições para o processo de seleção do mestrado e do doutorado do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec) da Univates. A seleção contempla até 12 vagas para o doutorado e 27 para o mestrado. Os interessados poderão atuar nas áreas de concentração em Biotecnologia Agroalimentar e Biotecnologia em Saúde.

Os candidatos podem se inscrever pelo site www.univates.br/ppgbiotec/processo-seletivo e a entrega de documentos deve ser realizada na Secretaria de Pós-Graduação Stricto Sensu, sala 115 do Prédio 1 da Univates, sendo possível também o envio por Sedex, conforme orientações do Edital, que pode ser conferido em www.univates.br/ppgbiotec. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail ppgbiotec@univates.br ou pelo telefone (51) 3714-7037.

Texto: Ascom Univates