RS Polícia

Polícia Civil receberá novas viaturas para reforçar combate ao crime

Chefe da Polícia Civil, Emerson Wendt, foi entrevistado no Governo em Rede da Rádio Web Piratini (Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini)
Chefe da Polícia Civil, Emerson Wendt, foi entrevistado no Governo em Rede da Rádio Web Piratini (Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini)

O chefe da Polícia Civil, Emerson Wendt, afirmou, na quarta-feira (23), em entrevista ao programa Governo em Rede, da Rádio Web Piratini, que a instituição receberá novos armamentos e viaturas no próximo ano para reforçar o combate à criminalidade. “São carabinas e submetralhadoras que serão distribuídas, principalmente, nos órgãos de execução especializada. Este ano, tivemos uma liberação de quase R$ 4 milhões para a compra de veículos, o que corresponde a aproximadamente 50 novas viaturas em circulação”, destacou.

Atualmente, a Polícia Civil conta com efetivo de 5 mil contratados, sendo que, somente neste ano, mais de 2 mil policiais já foram capacitados em cursos de aperfeiçoamento da Academia de Polícia (Acdepol). “Nossos agentes e delegados procuram trabalhar melhorando os índices de elucidação de delitos, e principalmente, crimes mais graves como homicídios e latrocínios. É fundamental manter a capacitação constante”, explicou o delegado.

O chefe da Polícia Civil também ressaltou a chegada do reforço da Força Nacional de Segurança Pública. “São um delegado e 25 agentes da Força Nacional, além de 10 peritos que auxiliarão no combate aos delitos e homicídios da capital. Com esta medida, pretendemos ter mais agilidade na investigação, propiciando maior elucidação de delitos”, esclareceu. Wendt ainda falou sobre as ações de combate à criminalidade, além de apresentar a estrutura e os canais de comunicação da Polícia Civil.

Texto: Ascom Estado