Esporte Destaques Westfália

Prática do futsal contribui para a criatividade e permite a socialização

Oficina integra o projeto “Cultura e Movimento”, sendo coordenada pelos professores Lucas Schwarz e Laudenor Brune

O futsal é uma ferramenta importante para o desenvolvimento de crianças e jovens, oferecendo diversos benefícios. Em Westfália, a oficina é oferecida há anos e sempre teve grande aceitação por parte dos estudantes. Agora, a atividade também integra o projeto “Cultura e Movimento”, idealizado pela Secretaria de Educação, Cultura, Turismo e Desporto (SMEC).

A oficina de Futsal é oferecida em dois turnos, duas vezes por semana. Para os anos iniciais, a atividade é realizada nas terças e quintas-feiras pela manhã, das 7h30min às 9h30min, com a coordenação do professor Laudenor Brune. Já para os anos finais, a oficina acontece nas terças e sextas-feiras à tarde, das 13h30min às 16 horas, com a coordenação do professor Lucas Schwarz. As aulas têm por local o Bloco B da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Vila Schmidt.

Podem participar da oficina de Atletismo, mediante inscrição, crianças residentes no município de Westfália, sendo oportunizada a iniciação no contra turno escolar para crianças com idade a partir dos quatro anos. As oficinas do projeto “Cultura e Movimento” têm contribuição mensal de R$ 10,00, recurso que é utilizado como auxílio na compra de materiais necessários para o desenvolvimento das atividades.

Inscrições para a oficina de Futsal ainda podem ser efetuadas. Basta manifestar interesse nas secretarias das escolas da rede municipal de ensino ou pelo telefone (51) 9 9706-9537, com a professora Denise Mattes.

“O futsal é uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento”

O professor Lucas Schwarz enaltece que não há idade específica indicada para a iniciação esportiva. Entretanto, é sempre importante avaliar e cuidar para não tornar o início precoce. “Sem dúvida, o futsal é uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento: auxilia na evolução física, na coordenação motora, na velocidade de reação, no desenvolvimento psicológico, na socialização, na autoestima e na autoconfiança dos pequenos”, completa ele.

Segundo Laudenor Brune, “o futsal é e sempre foi a modalidade mais desenvolvida no Município, pois sempre teve grande aceitação por parte dos jovens”, observa. O professor complementa que a evolução da modalidade foi grande pois, com o passar do tempo, os treinos foram disponibilizados para mais faixas etárias. Hoje, o treinamento vai do Pré até o 9º Ano. Conforme ele, a qualidade e o nível dos atletas também evoluiu bastante. “Temos vários meninos que participaram do grupo da ASTF/Colégio Teutônia, a qual participa do Estadual de Futsal”, destaca.

Dentre os benefícios apresentados pelo futsal, Laudenor vê diversos pontos positivos. “A socialização, o aprendizado do gesto técnico, o conhecimento da regra, o respeito ao colega e adversário, o desenvolvimento da coordenação motora e também a inteligência cognitiva, pois, por ser um jogo em espaço reduzido, faz com que desenvolva mais a criatividade e a tomada de decisão”, pontua o professor.