Saúde RSS Mato Leitão

Prefeitura auxiliará na manutenção do Samu

Foto: Atendimento pode ser acionado pelo 192 (Foto: Divulgação)

Todos os municípios da região irão auxiliar com as despesas de manutenção do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Avançado. Os repasses da União e Estado não são suficientes para manter as atividades, havendo atualmente um déficit em torno de R$ 50 mil em cada uma das três bases na região: Venâncio Aires, Santa Cruz do Sul e Rio Pardo.

O rateio de parte das despesas de manutenção do serviço foi acertado na Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp) e Consórcio Intermunicipal de Serviços do Vale do Rio Pardo (Cisvale). Cada Município auxiliará com R$ 0,20 por habitante. No caso de Mato Leitão, o repasse mensal será de R$ 848,00 levando-se em conta a população estimada pelo IBGE de 4.240 habitantes.

Em casos de acidentes, as remoções realizadas pelas equipes Samu são consideradas fundamentais com possibilidade real de salvar vidas. O aporte extra está previsto no orçamento tendo passado por discussão em audiência pública, em novembro do ano passado.

Samu

As equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atenderam 1.846 chamados em 2017. Em média foram 153 ocorrências por mês, ou cinco por dia, segundo números apresentados pelos profissionais do Samu. No ano passado, 64% das ocorrências tiveram a utilização da Unidade de Suporte Básico (USB), enquanto que os outros 36% demandaram atendimento da Unidade de Suporte Avançado (USA).

Contato

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) deve ser acionado pelo telefone 192, para situações de urgência e emergência, com potencial real de risco de lesão grave ou morte. Em Venâncio Aires, a base do Samu está localizada na rua Jacob Becker 1.846.

Texto: Ascom Mato Leitão