Iniciativa Destaques Lajeado

Prefeitura de Lajeado reajusta valor de repasses para entidades socioassistenciais em 13,7%

A Prefeitura de Lajeado vai reajustar os valores repassados às entidades assistenciais que atuam em parceria com o município. As 11 entidades socioassistenciais, cadastradas e habilitadas no Conselho Municipal de Assistência Social e que prestam serviços à administração por meio de Termos de Fomento, receberão um reajuste de 13,7% no valor dos repasses. O reajuste foi concedido tendo em vista as dificuldades das entidades para arrecadarem recursos durante a pandemia e a importância social das ações desenvolvidas, em especial para a população mais sensível e vulnerável da sociedade.

As entidades que executam de forma indireta os serviços socioassistenciais da política de assistência social do município e têm Termo de Fomento com a Prefeitura de Lajeado são:

– Abrigo São Chico

– Associação de Assistência à Infância e à Adolescência (SAIDAN)

– Associação de Deficientes Físicos de Lajeado (ADEFIL)

– Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE)

– Associação dos Pais, Amigos e de Pessoas com Deficiência Visual de Lajeado (APADEV)

– Associação de Surdos de Lajeado (ASLA)

– Casa de Passagem.

– Centro Social Trezentos de Gideon

– Sociedade Lajeadense de Atendimento à Criança e ao Adolescente (SLAN)

– Sociedade Lajeadense de Acolhimento a Idosas (SLAI)

– Pella Bethânia – Atendimento Especializado para Pessoas com Deficiência a partir dos 18 anos

Cada uma das entidades atua em uma área da assistência social, como atendimento a crianças, adolescentes, adultos e idosos com necessidades especiais e acolhimento de pessoas em situação de rua, idosos, crianças e vítimas de violência.

A assistente social da APAE e representante da sociedade civil no CMAS, Greice Körner, explica a importância do reajuste.

– A readequação dos valores pelo Poder Público para o ano de 2022 foi comemorada pelos Conselheiros na última Plenária do Conselho Municipal de Assistência Social. A parceria entre Prefeitura e Organizações da Sociedade Civil é a concretização dos serviços socioassistenciais estabelecidos aos princípios e diretrizes do Sistema Único de Assistência Social. Esta união dá segurança para a execução dos serviços e qualifica o atendimento daqueles que necessitam, bem como valida o reconhecimento das ações desenvolvidas pelas entidades socioassistenciais – falou Greice.

Para as entidades, o valor representa reconhecimento dos serviços prestados, como é o caso do Centro Social Trezentos de Gidion

– Ainda que tenhamos o apoio da comunidade e algumas empresas, sem este co-financiamento público com certeza a sociedade seria privada do serviço que prestamos. O reajuste de 13,7% no repasse, valor acima da inflação acumulada, demonstra que o município também está comprometido com a causa social. O subsídio do município é de vital importância para a manutenção das nossas atividades – disse Daniel Fich, presidente do Centro Social Trezentos de Gidion.

A Presidente do CMAS, Josiane Pezzi, afirma que o repasse irá qualificar os serviços das entidades.
– As entidades socioassistenciais são de extrema importância e se configuram como um dispositivo qualificado  dentro do contexto do atendimento, acolhimento, atenção e prestação de serviços dentro da Política Municipal de Assistência Social, tanto na proteção social básica, como na média e alta complexidade. O aumento no repasse irá fortalecer a execução dos serviços, otimizando e qualificando  as ações  das organizações da sociedade civil na oferta de serviços aos usuários –  falou Josiane.

Para o Presidente da SLAN, Renato Specht, o reajuste irá beneficiar os que mais necessitam dos serviços.

– A Sociedade Lajeadense de Atendimento à Criança e ao Adolescente,  que atende mais de 640 crianças e adolescentes em três centros, tem por objetivo de promover ações que favoreçam o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, fortaleça os vínculos familiares e comunitários, prevenindo situações de violência e estimulando seu protagonismo social. Este serviço somente é possível pela união das forças vivas da cidade com o poder público, temos o Município de Lajeado como grande parceiro.  A SLAN por sua diretoria e funcionários, reconhece que esta parceria é fundamental para o desenvolvimento e manutenção da Entidade e espera poder contar com a confiança para poder fazer sempre mais beneficiando os que mais necessitam. Nossa gratidão e reconhecimento – falou Renato.

O reajuste será formalizado na publicação dos Termos de Fomento de 2022 das entidades socioassistenciais.