Educação Estrela

Projeto “Férias de Inverno no Nova Morada” integra crianças e jovens

Último dia do projeto Férias de Inverno do Nova Morada ocorreu nesta sexta-feira / foto Rodrigo Angeli/Prefeitura de Estrela

Centro de Referência de Assistência Social (Cras) oportunizou uma série de atividades ao longo da semana de férias

O período de férias escolares não significou criança parada em casa, ao menos no Loteamento do Nova Morada. Uma programação especial foi oportunizada, ao longo da última semana, pela equipe do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Centro, núcleo da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth). O Projeto Férias de Inverno no Nova Morada envolveu crianças, jovens e também alguns familiares que residem no local em uma série de atividades lúdicas e de lazer.

A primeira ação ocorreu na terça-feira (30) pela manhã e foi voltada ao grupo Primeiros Passos, com crianças até seis anos e suas mães. No container onde o Cras faz os atendimentos semanalmente, os participantes desenvolveram atividades que oportunizaram momentos de proximidade entre mãe e filho. À tarde o encontro foi conjunto e envolveu crianças locais e aquelas que são atendidas pelo ProJovem. Uma série de brincadeiras com bola e demais jogos foram desenvolvidas e integraram a todos. A quarta-feira (31) foi dia de pipoca e cinema. Uma “Oficina de Emoções” oportunizou a exibição do filme “Divertidamente”. Na quinta-feira (01) foi o dia do “Brincando no Container”. Crianças de seis a dez anos tiveram à disposição uma série de jogos de tabuleiros, desafios e outros para uma interação. A programação foi fechada nesta sexta-feira à tarde (02). Tanto a área externa como interna do container sediaram uma série de ações, com direito a lanche gratuito.

O jovem Cassiano Humberto da Silva (10) foi sempre um dos primeiros a chegar, todos os dias, para os eventos. “Gostei muito. Foi divertido. Conheci gente nova com quem não brincava antes”, confessa ele. Sua mãe, Cristiane da Silva, confirma. “Se não estivesse aqui brincando ele estaria em casa, vendo TV deitado no sofá ou mexendo no celular.” O titular da Sedesth, José Itamar Alves, explica. “Esta é uma das funções dos tantos projetos que desenvolvemos com estas crianças e jovens. Trabalhar a prevenção dando tranquilidade aos pais, pois sabem eles que estes pequenos estão amparados pelo trabalho dos mais diversos e qualificados profissionais.” Para a psicóloga do Cras, Natália Sulzbach, que acompanhou toda a programação, a importância de projetos como este está em proporcionar a integração entre crianças e adolescentes da comunidade onde estão inseridos. “É imprescindível a formação de vínculos comunitários. E nossa função enquanto assistência social é proporcionar também cultura, lazer e integração”, destaca ela.

 

Texto: Rodrigo Angeli
Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Estrela