Saúde Destaques Colinas

Sábado tem Dia D contra o sarampo

Foco da campanha está nas crianças de seis meses a menores de cinco anos e adultos de 20 a 29 anos

Está programado para este sábado, dia 19 de outubro, o Dia D de vacinação contra o sarampo. A Unidade Básica de Saúde de Colinas estará aberta das 8h às 16h30min. A ação faz parte da campanha nacional que iniciou dia 7 deste mês. A vacina tríplice viral, que também protege contra caxumba e rubéola, está disponível em todos os postos de saúde do país, com foco especial em dois subgrupos: crianças de seis meses a menores de cinco anos e adultos de 20 a 29 anos. Durante a campanha, os profissionais da saúde promovem ainda um trabalho educativo e informativo orientando os responsáveis sobre a importância das vacinas e de manter atualizada a carteira das crianças.

Conforme a secretária municipal da Saúde, Patrícia Nietiedt, “é muito importante a participação de todos, principalmente neste Dia D de vacinação contra o sarampo, uma vez que estamos diante do fato de que o Brasil perdeu o Certificado de Eliminação do Sarampo, pois voltou a registrar casos da doença. A vacinação é a única maneira de se defender de diversas doenças”, orienta.

De acordo com um boletim epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde em setembro, foram confirmados 5.346 casos de sarampo no Brasil. A maior parte dos diagnósticos está concentrada em 153 municípios de São Paulo (97,5%), principalmente na região metropolitana. Ainda assim, o número de estados com transmissão ativa da doença já chega a 17, reforçando a importância de uma campanha de vacinação por todo o país.

Em 2019, o governo decidiu dividir a ação em duas fases. Cada uma é focada em um público diferente que estaria mais suscetível à infecção por sarampo.

Até 25 de outubro, o objetivo é imunizar crianças de 6 meses a menores de 5 anos. Além disso, haverá um Dia D em 19 de outubro. Cabe lembrar que, antes do primeiro ano de vida, a dose não entra na conta do Calendário Nacional de Vacinação.Ou seja, o bebê continuará precisando tomar mais duas injeções.

De 18 a 30 de novembro, será a vez dos jovensde 20 a 29 anos. Aqui, o Dia D acontecerá no 30 de novembro, data final da campanha.

Para repor os estoques de imunizantes, o Ministério da Saúde adquiriu mais que o dobro de doses em relação ao ano passado, indo de 30,6 para 60,2 milhões. Será a maior distribuição de tríplice viral feita pelo Brasil nos últimos dez anos.

 

Foto: Angélica Pott/Arquivo
Assessoria de Imprensa de Colinas