RS RSS Rural - Agricultura

Safra da uva tem projeção de colher mais de 600 milhões de quilos

A colheita da uva no Rio Grande do Sul foi aberta oficialmente no sábado (4), na propriedade da família Barbieri, no município de Monte Belo do Sul, na Serra. A safra 2016/2017 tem projeção de colher mais de 600 milhões de quilos de uva, que serão processadas para elaboração de sucos, vinhos, espumantes e outros derivados. “Nada se faz sem trabalho. Precisamos exaltar o trabalho das pessoas que se dedicam o ano todo. O setor vitivinícola é muito importante para nossa economia. Avançamos bastante em tecnologia e o governo do Estado é parceiro nessa caminhada”, afirmou o governador José Ivo Sartori.

A estimativa é que neste ano a safra tenha um aumento de 100% no volume a ser colhido, em razão de que na safra passada houve uma quebra de 57% em relação a 2014/2015. Segundo informações do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), o número de propriedades vitícolas no estado é de 14,4 mil. São cerca de 680 empresas, entre as quais mais de 90% são vinícolas micro ou pequenas empresas.

O Cadastro Vitícola, fornecido pela Embrapa Uva e Vinho, diz que até 2015 a área total plantada com videiras no Rio Grande do Sul é de aproximadamente 40 mil hectares, 32 mil só na Serra. O estudo revela ainda que são produzidas 138 variedades de uvas no estado.

O secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo, afirmou que este é um momento marcante, porque a colheita celebra e festeja o trabalho de muito meses dos agricultores. “A Secretaria da Agricultura é parceira desse setor e está sempre em busca de unir forças com todos os órgãos e entidades ligadas para melhor atender as demandas da sociedade”, afirmou.

Comercialização

O presidente do Ibravin, Dirceu Scottá, informou que, segundo dados da entidade, houve em 2016 uma queda de 18% na venda dos produtos nacionais. “Tivemos um cenário complicado em 2016. Afetou o produto, as vinícolas, a economia local e os consumidores. Essa já é uma safra de volumes normais. Vamos arregaçar as mangas e mostrar nosso trabalho”, destacou. De janeiro a dezembro de 2016, as vinícolas venderam 185,1 milhões de litros de vinho, o que representa uma retração de 18,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Texto: Cassiane Osório, de Monte Belo do Sul e Bento Gonçalves
Edição: Léa Aragón/Secom