RS RSS Eventos Destaques

Santa Maria tem celebração que marca os 30 dias do início dos Jogos Olímpicos

Ontem a Tocha passou por Encantado (Foto: Divulgação Setel)
Ontem a Tocha passou por Encantado (Foto: Divulgação Setel)

Na terça-feira (5), a exatos 30 dias para o início das Olimpíadas no Rio de Janeiro, a Tocha Olímpica, que está no Rio Grande do Sul, percorreu os municípios de Encantado, Lajeado e Santa Cruz do Sul. No final da tarde, o símbolo olímpico chegou à cidade de Santa Maria, local chamado de Cidade de Celebração, onde aconteceu a festa que marca os 30 dias do início dos jogos no Brasil. Até o fim deste terceiro dia de passagem da tocha pelo estado, serão 400 quilômetros percorridos e mais de 100 condutores.

Em Encantado, a Tocha Olímpica foi carregada por 10 condutores e acesa por três estudantes da rede estadual de ensino: Emily Nicole Gebing Pinheiro, Julia Martini Dalmoro e Larissa Klunck Veronese, ambos do Instituto Monsenhor Scalabrini. O atleta paralímpico de basquete em cadeira de roda, Zenilton Valandro, e o atleta Antônio Martins dos Reis, ultramaratonista recordista mundial em provas de 24 horas, também conduziram a tocha. O momento marcante do trajeto dentro da cidade aconteceu em frente à Igreja Matriz São Pedro, onde a comunidade esperava a passagem da chama olímpica com atrações culturais locais.

Em Lajeado, o patinador artístico Marcel Stürmer, considerado o melhor atleta do país na categoria e o primeiro brasileiro a conquistar quatro vezes a medalha de ouro nos jogos Pan-americanos (2003, 2007, 2011 e 2015), levou a chama junto com mais 16 condutores. Os moradores de Lajeado reuniram-se no Parque dos Dick para homenagear os condutores do símbolo olímpico e celebrar a passagem pela cidade. Alessandro Luiz Willms Segalin, Caroline Fontana Troian (ambos da Escola Pedro Scherer) e Gustavo Garcia Leidens (do Colégio Castelo Branco) participaram do acendimento da tocha.

O percurso da Tocha Olímpica no município de Santa Cruz do Sul iniciou em frente a Universidade de Santa Cruz (Unisc) e contou com a participação de 25 condutores. Entre eles, os atletas Sabine Heitling, primeira campeã pan-americana da prova de 3000 metros com obstáculos, em 2007, e Fabiano Peçanha, especializado em provas de meio-fundo com os 800 metros rasos. Peçanha foi o último a conduzir a chama que encerrou o trajeto na praça Getúlio Vargas, em frente à Catedral São João Batista, onde teve apresentações de danças típicas da região.

O caminho olímpico no Rio Grande do Sul percorrerá ao todo 2,5 mil quilômetros por terra, ar e água, em um roteiro que começou no domingo (3) por Erechim e Passo Fundo. A Tocha Olímpica já passou também pelos municípios de São Miguel das Missões, Santo Ângelo, Ijuí, Cruz Alta, Encantado, Lajeado e Santa Cruz do Sul. Ela passará ainda por Santa Maria, São Sepé, Caçapava do Sul, Canguçu, Rio Grande, Pelotas, São Lourenço do Sul, Camaquã, Guaíba, Porto Alegre, Canoas, Esteio, Novo Hamburgo, Gramado, Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Torres.

Texto: Ascom Estado