Artigos - Saúde e Bem-estar

Saúde, um balde de água limpa – por Eliana Giacobbo

Eliana Giacobbo (Foto: Divulgação)
Eliana Giacobbo (Foto: Divulgação)

Toda vez que nós desejamos algo, muito, muito, muito, vamos encontrar uma forma de conquistar o que queremos como se as atitudes tomadas fossem para uma caça ao tesouro. A saúde é um dos maiores tesouros que nós podemos ter e quando a possuímos nem sempre damos a importância que ela merece, só demos conta quando começamos a perde-la. Só demos conta que possuímos um dedão do pé quando sentimos dor, aí lembramos que ele existe, do contrário passamos meses sem dar conta que ele existe e que está conosco e nos acompanha por todos os lugares que vamos, e o mesmo podemos dizer de todos os órgãos do nosso corpo.

Muitas pessoas judiam tanto do corpo e por tanto tempo que chega em um certo momento da vida que é desafiador continuar ter saúde, porém na grande maioria das vezes, e por conta do poder curador de nosso corpo, não importa o quanto ele foi judiado, ele ainda pode recuperar o equilíbrio. E, portanto, praticamente todas as pessoas, todos os dias, ganham a chance de mudar o seu estilo de vida, todo santo dia.

Mas como mudar? Quando pensamos em mudança de estilo de vida, junto vem as dietas, exercícios físicos, meditações…., “como organizar o tempo para isso?” “Isso tudo é muito difícil.” ”Fácil falar, difícil praticar”… Quando vemos isso tudo como um grande obstáculo ligado a um grande sacrifício é muito difícil mesmo mudar alguma coisa. Se nós, seres humanos, direcionássemos o pensamento para o que está além desta barreira, ou seja, direcionássemos o pensamento para o “tesouro” que queremos conquistar, sem focar os obstáculos encontrados pelo caminho, com certeza essa aventura de conservar a saúde seria muito mais fácil. Porém como sabemos e ouvimos todos os dias, o foco de muitas pessoas são os sacrifícios e sendo assim, podemos pensar que a vida cheia de sacrifícios não vale a pena, portanto, vou comer qualquer coisa, beber até cair e detonar com minha saúde até que eu posso, vou mesmo aproveitar….

A saúde fica em segundo plano, para ser pensada quando ela dá sinais de fraqueza. Por outro lado, podemos pensar na saúde como analogia a um balde que todos os dias recebe uma gotinha de água, demora para encher, mas sem perceber, com o tempo, tende a transbordar. Quem pensa que quer que o balde, com o tempo esteja cheio de água limpa, todos os dias coloca mais água limpa do que água suja, mesmo que para colocar água limpa seja mais oneroso e leve mais tempo, pois a água precisa ser purificada antes de ser colocada no balde. Quem não está disposto a investir tempo para limpar a água, de qualquer forma vai colocar a água no balde da vida, pois para viver precisamos comer, pensar, agir…, mas sem dedicação, perseverança e paciência, cada dia a água colocada no balde é mais suja do que limpa e, portanto, com o tempo a pessoa possui um balde com muito barro, com depósitos e com resíduos.

Assim é nosso corpo, que não se alimenta só de comida, mas de emoções e sentimentos também. Para que nosso balde da vida fique cheio de água limpa precisamos todos os dias, todos os dias mesmo, dar atenção a água que colocamos nele para que com o tempo vemos o bom resultado de nosso investimento. Que água você está colocando no seu balde hoje?

Eliana Giacobbo – Nutricionista Coach de Emagrecimento