RS RSS Rural - Agricultura Bom Retiro do Sul

Secretaria de Agricultura, Sindicato Rural e Emater apresentam relatório de perdas dos produtores de Bom Retiro do Sul

Criação de suínos está sendo afetada com a falta de ração (Foto: Fernando Dias)

Uma reunião entre representantes da Secretaria de Agricultura, Emater-RS/Ascar e Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura Familiar de Bom Retiro do Sul avaliou as perdas dos agricultores em decorrência das greve dos caminhoneiros, iniciada a mais de uma semana.

Conforme o relatório, em relação às criações de aves e suínos, os maiores problemas estão relacionados à falta de alimento, sendo que os produtores relatam que desde o início da greve estão racionando a alimentação e a água.

A redução de fornecimento de alimento chega a um terço do fornecimento normal. Isso implica em menor ganho de peso dos animais ou ainda perda de peso, animais estressados. Ainda em se falando em matrizes de suínos, o racionamento de alimentos implicará numa menor eficiência reprodutiva no futuro.

Já se estima em 25% as perdas em uma semana de greve, sendo que nesse momento, já não há mais previsão de reabastecimento de alimento nas propriedades, porque há falta de matéria primas nas indústrias produtoras de ração.

De acordo com estimativas de produtores, a cada semana de crise alimentar, é necessário dois meses para uma recuperação completa dos animais.

Na bovinocultura leiteira os prejuízos estão relacionados principalmente a falta de matéria prima nas empresas para a produção de ração e, portanto, não há nem ração para ser entregue, nem transporte de ração.

Os criadores estão racionando o alimento que ainda há nas propriedades e fornecendo para a manutenção dos animais alimentos que são produzidos na própria unidade produtiva (silagem, pré-secado, feno). Até o momento, as cooperativas ainda estão fazendo o recolhimento do leite, porém já avisaram que a partir da quarta-feira, 30, não haverá mais esse serviço. Estima-se uma perda de 25% na produção até o momento.

A recomendação que as entidades dão aos produtores que estão sem receber ração para os animais é para entrem em contato com as empresas fornecedoras e avisem da situação, para que a empresa providencie o quanto antes a entrega dos produtos de alimentação animal.

Texto: Ascom Bom Retiro do Sul