Emprego RS RSS Estrela

Sedesth aposta na recolocação de trabalhadores com mais de 50 anos

Jornalista Fabiano Conte explica quais são as qualificações de um bom profissional (Foto: Divulgação)

Trabalhadores com mais de 50 anos representam uma parcela da população que enfrenta dificuldades na contratação. Pensando nisso, o Governo de Estrela, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth), iniciou na última semana o Projeto Encaixe. Trata-se de um ciclo de quatro palestras, que estão sendo realizadas na Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat), em Estrela, sob o comando do jornalista Fabiano Conte. O objetivo é capacitar pessoas que estão fora do mercado de trabalho. Entre os temas abordados estão como manter-se atualizado, saber lidar com novos desafios, redirecionar carreira, permitir o contato com novas pessoas e manter-se motivado para buscar sempre o melhor. Os próximos encontros já tem data marcada: 27 de setembro, 22 de outubro e 19 de novembro.

Entre os participantes está Ernesto Rodrigues Jr, de 53 anos. Com Ensino Fundamental incompleto, está desempregado há quatro meses. Numa visita à Sedesth ele soube da oportunidade e foi convidado a participar dos encontros. Aceitou o desafio. “Foi muito bom ouvir o professor. Tirei muita coisa boa da aula”, alegra-se. Rodrigues conta já ter trabalhado como açougueiro, pedreiro e em muitos outros empregos. “Mas agora está dificil´”, diz. Assim como os outros, o desempregado vê nas palestras a esperança de dias melhores.

O coordenador do Trabalho, Éder Follmann, destaca que a iniciativa vem de encontro a uma realidade não só do município, como também do país, na qual os mais experientes têm que investir em dobro para poder ocupar lugar no concorrido mercado. “Queremos elevar a autoestima dessas pessoas e mostrar às empresas que os mais velhos contam com diferencias importantes. Eles foram educados para trabalhar, têm experiência de vida e muita sabedoria para lidar com os problemas”, aponta.

Texto: Ascom Estrela