Emprego RS RSS Estrela

Sedesth auxilia em seleção de emprego para a BRF

Alves (2º esq.p/dir.) destacou importância da parceria do Governo de Estrela com as empresas (Foto: Paulo Ricardo Schneider)

Mais de 70 pessoas compareceram ao Salão Nobre da Prefeitura de Estrela, na última quarta-feira (09), para participar de uma seleção de empregos da BRF. O convite aos trabalhadores, todos haitianos, foi feito pela pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação (Sedesth), que tem atuado em parceria com cerca de 80 empresas do município e região no encaminhamento de trabalhadores ao mercado de trabalho. A seleção foi feita por três profissionais da BRF e os aprovados vão atuar no frigorífico de aves e suínos de Lajeado. Os que não forem contratados de imediato permanecem no banco de dados, podendo ser chamados futuramente.

Entre eles estava o casal Jacques Cely e Marléne Anevil. Jacques, que está trabalhando, veio acompanhar a esposa, que está esperançosa em conquistar uma das oportunidades oferecidas. O objetivo do casal, que veio para o Brasil há quase dois anos, é trazer para cá os três filhos – de 23, 18 e 17 anos – que permaneceram no Haiti.

De acordo com o coordenador de Trabalho da Sedesth, Éder Follmann, o setor já auxiliou na elaboração de mais de 2,5 mil currículos, como também no encaminhamento de vagas diretas ou seleções. Apenas com a BRF já foram mais de 300 vagas encaminhadas.

O secretário José Itamar Alves acompanhou o início da seleção e destacou a importância da parceria com as empresas. Segundo ele, no ano passado, por meio desta e de outras ações e programas da Sedesth, a colocação de trabalhadores no mercado atingiu 800 famílias.

No caso específico dos haitianos que residem em Estrela, a secretaria, conforme José Alves, está trabalhando na implantação de um projeto para que tenham aulas de português, a fim de melhorar a comunicação e interação com a comunidade. Segundo ele, já há professor voluntário para ministrar as aulas, que devem ocorrer no prédio do Cemai do Bairro Oriental. “Nossa intenção é dar início a este projeto em março, abrindo à participação de todos os interessados”, informa.

Texto: Ascom Estrela