Meio Ambiente RS RSS Rural Teutônia

Segundo módulo do Curso de Saneamento Ambiental Rural é realizado em Teutônia

Com o tema Água de Qualidade, a capacitação teve entre seus enfoques a conservação, a proteção de nascentes e o uso da água (Foto: Divulgação)

Um grupo de extensionistas da Emater/RS-Ascar participou na quinta e sexta-feira (24 e 25), no Centro de Formação de Agricultores de Teutônia (Certa), do segundo módulo da atividade do Curso de Saneamento Ambiental Rural. Com o tema Água de Qualidade, a capacitação teve entre seus enfoques a conservação, a proteção de nascentes e o uso da água. Na ocasião temas, como, aproveitamento de águas superficiais, captação em fontes naturais e qualidade no uso do recurso natural foram abordados por extensionistas da Emater/RS-Ascar.

Dividida em duas etapas, uma teórica e outra prática, a atividade trabalhou ainda a filtragem lenta e seus aspectos técnicos e a legislação para a proteção de fontes, que deve respeitar o Código Florestal, com adoção de recomposição vegetal no entorno das fontes em áreas de preservação permanente. Experiências bem sucedidas na proteção de nascentes nos municípios de Progresso, Westfália e Roca Sales, também foram apresentadas na ocasião. Ao final do primeiro dia, foi apresentado um sistema de tratamento de água por ozônio, considerado uma forma limpa e que não deixa resíduos.

O módulo foi concluído, no dia seguinte, com atividade de campo realizada na propriedade dos agricultores Cleo e Luciane Kuhn, de Barão, que integram o Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar (PGSAF) da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR) do Governo do Estado. No local foi discutida a forma de realizar a proteção de nascentes e suas implicações sociais, sanitárias, econômicas e ambientais. Em seguida foi realizada a análise e a limpeza do local para a escolha do tipo de proteção a ser feita. Por fim foi realizada a construção da infraestrutura para a proteção de dois pontos de captação.

“O objetivo da qualificação é o de estimular os extensionistas para que estes possam ser propositivos, tendo segurança para a discussão de políticas públicas relacionadas ao tema e conhecendo ainda a legislação pertinente”, destaca o assistente técnico regional de Manejo de Recursos Naturais da Emater/RS-Ascar, Marcos Schäfer. O último módulo da atividade ocorre nos dias 28 e 29 de junho, quando serão discutidas a gestão ambiental e o controle de simulídeos. Já a primeira parte do curso, realizada em abril, teve como temas a gestão ambiental da unidade de produção familiar e o tratamento de dejetos – bem como seus usos.

Texto: Ascom Emater/RS Ascar – Regional Lajeado